sexta-feira, 10 de março de 2017

Prefeito se reúne com Superintendência do BB para reabrir Agência em Caaporã

O prefeito de Caaporã, Kiko Monteiro (PDT), esteve reunido nesta quarta-feira (8) com o superintendente Regional do Banco do Brasil (BB), Adriano Sontagg Maia, com o gerente de Administração, José Carlos Oliveira e o gerente da agência local Jaenilson, no intuito de viabilizar a reativação do BB na cidade que sofre com a falta de serviços bancários após explosões em ações criminosas destruírem por três vezes o prédio da agência.
De acordo com informações dos representantes da instituição financeira, como medidas primordiais para que a rede nacional autorize a reabertura, é necessário manter o contrato de cessão de uso do imóvel da Prefeitura sem custo para o Banco por no mínimo 10 anos; além de parceria com a Prefeitura no sentido de manter a folha de pagamento no BB como forma de rentabilizar a reconstrução e reabertura da agência com maior brevidade possível. Deve-se também investir em segurança, conforme programa de governo, com as seguintes ações: criação do Comitê de Segurança em parceria com o BB e demais autoridades municipais e estaduais; instalar câmeras de vigilância na rua do banco; pugnar junto ao Governo do Estado pela instalação de um Batalhão de Polícia Militar no município; fechar o acesso nas vias em frente ao banco, principalmente, em horário noturno, dentre outras exigências.
“No que depender da Prefeitura, iremos disponibilizar todas as ações possíveis para que a agência volte a funcionar em nossa cidade. A população está carente de serviços bancários devido as ações criminosas que destruíram tanto a agência do Banco do Brasil, quanto os caixas eletrônicos da CEF. Muita gente se desloca até cidades vizinhas para ter atendimento vivendo um desconforto muito grande. Por isso, nos colocamos à inteira disposição da superintendência para viabilizar a volta do Banco do Brasil, e de acordo com o que foi nos passado pelo superintendente há sim a possibilidade da reabertura”, destacou Kiko.
Para prefeito Kiko Monteiro a reabertura da agência é de fundamental importância para a economia do município, uma vez que significa circulação de dinheiro dentro da própria cidade.
Explosões e Destruição em Caaporã
A agência do Bando do Brasil de Caaporã sofreu três explosões criminosas. Em 2012, o banco foi explodido e ficou cerca de um ano sem funcionar pois foi totalmente destruído. Já no ano de 2015, o Banco do Brasil da cidade foi o primeiro do ano a ser atacado por bandidos e mais uma vez explodido, porém, a explosão não causou tantos danos a estrutura do prédio.
Desde de agosto de 2016 após a terceira explosão que foi de grandes proporções, o prédio foi praticamente destruído por completo e desde então a agência foi desativada.
Prefeitura destruída por bandidos
No dia 15 de dezembro de 2016, os dois terminais eletrônicos que funcionavam dentro da Prefeitura de Caaporã foram explodidos e a sede da prefeitura ficou completamente destruída.
Matéria Realese PB

Nucleo de Cultura já tem gente fazendo arte são, oficinas que estão sendo realizadas todos os dias


Oficinas de artesanato e violão dão início às atividades do Núcleo de Cultura em Conde
As oficinas de artesanato e violão foram às primeiras que tiveram suas atividades iniciadas no Núcleo de Cultura. As aulas iniciaram na última quarta-feira e são ministradas no Centro de Criatividade (Teatro) duas vezes por semana nos turnos da manhã e tarde. As demais oficinas oferecidas seguem com as matrículas abertas. As próximas oficinas a iniciarem suas atividades serão as de Ballet, teatro e teclado.
Na oficina de artesanato, ministrada pela professora Maria de Fátima, os alunos utilizaram técnicas de trabalhos manuais com tecidos e potes de sorvetes e cada aluna produziu seu próprio nécessaire. A Professora disse que “a oficina propõe uma atividade com a prática da reciclagem, além de o aluno adquirir atividades artesanais, ele pode através do curso, confeccionar seus materiais e ter uma renda extra com os trabalhos artísticos”, disse.
Enquanto a turma do curso de artesanato trabalhava na confecção dos seus produtos, a turma da aula de violão se concentrava nas orientações do professor Yuri Moreira. Segundo o professor, “as aulas são para crianças e adultos e tem como objetivo, despertar o interesse e o desejo de aprender a tocar um instrumento musical, através de uma boa teoria e prática”, afirmou Yuri.
O Núcleo de Cultura está oferecendo em 2017, diversas oficinas nas áreas de música, dança e artes. Qualquer pessoa pode ser matricular, basta apresentar uma foto 3x4, xerox da certidão de nascimento ou casamento e no caso de aluno matriculado regularmente na escola, uma declaração que comprove a frequência escolar. Para o Coordenador de Cultura, Marcos Antônio, as oficinas “são de extrema importância para a população, pois oferece um contato com a linguagem artística e cultural do município”, disse o Coordenador.

Na Paraíba o FGTS inativo pode ser sacado a partir desta sexta por mais de 25 mil

A partir desta sexta-feira (10), 25.492 trabalhadores da Paraíba vão poder sacar o dinheiro das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Conforme levantamento da Caixa Econômica Federal (CEF), o saque que pode ser feito a partir desta sexta-feira é para trabalhadores nascidos nos meses de janeiro e fevereiro. A primeira remessa vai pagar R$ 23.278.193,95 na Paraíba.
Ainda de acordo com a instituição, a medida afetará, ao todo, 163.977 contribuintes paraibanos até julho, com uma injeção de mais de R$ 149 milhões. No país, serão beneficiados inicialmente 4,8 milhões de pessoas, que poderão sacar quase R$ 7 bilhões, o equivalente a 15,9% do total disponível. Segundo a Caixa Econômica Federal, 1,65 milhão de trabalhadores receberão automaticamente o crédito em suas contas no banco.

Menina com suspeita de intoxicação morre no Trauma de Campina Grande


Uma menina de 12 anos, que estava internada no Hospital de Emergência e Trauma de C. Grande desde o dia 6 de março, morreu na manhã desta sexta-feira (10). A vítima, que é natural de Itabaiana, no Agreste paraibano, deu entrada na unidade hospitalar com suspeita de intoxicação e estava internada na ala vermelha.
Além da menina, outras duas crianças morreram após passar mal em uma comunidade rural em Itabaiana.  As vítimas foram um menino de 9 anos e uma menina de 6 anos, nos dias 19 e 25 de fevereiro, respectivamente, que chegaram a ser socorridas para o Hospital Municipal da cidade, apresentaram um quadro de vômito, tremedeira e paradas cardíacas.

De acordo com a assessoria de imprensa do Hospital de Trauma, o corpo da criança que morreu na manhã desta sexta-feira foi encaminhado para o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal, onde vai passar por exames para detectar as causas da morte.
A Secretaria de Saúde de Itabaiana está investigando as causas da morte e espera os laudos do Instituto Médico Legal para conseguir desvendar esse mistério.
A secretaria de saúde do municíio, Soraya Galdino, informou que foram colhidas amostras de águas e plantas e encaminhadas para o Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba (Lacem) e a expectativa é que o resultado saia em aproximadamente 30 dias.

Tribunal de Contas diz que é improcedente denúncia de irregularidades contra prefeita de Conde

O parecer do Ministério Público de Contas define, nesta quinta-feira (9), que é improcedente a denúncia de irregularidades no decreto 0001/2017, de 2 de janeiro, da Prefeitura de Conde. O decreto estabelecia estado de emergência administrativa e financeira do município e permitia a realização de contratos e compras sem licitação em um prazo de 180 dias.
A denúncia foi feita por Ovídio Marinho, que acusou a prefeita Márcia Lucena (PSB) de realizar contratos irregulares e que o município teria dinheiro em caixa na data do decreto, o que não justificaria estado de emergência.
Chamada posteriormente para se justificar, a Prefeita encaminhou a documentação constante às fls. 43/101 dos autos. Alegou a ausência de transição administrativa. Narrou o cenário caótico dos serviços administrativos, com lixo espalhado nas ruas, inclusive. E, enfim, defendeu a juridicidade do decreto.
Por fim, Manoel Antônio dos Santos, subprocurador do Ministério Público do TCE, definiu a IMPROCEDÊNCIA da denúncia feita contra a Prefeita Márcia Lucena em apreço, com REVOGAÇÃO da medida liminar, sem prejuízo de que as formalidades da contratação direta sejam fiscalizadas pela Corte de Contas, com conversão do feito em inspeção de contrato, devendo haver intimação da Autoridade Competente e seu respectivo advogado pela apresentar a documentação prévia que fundamentou a dispensa, bem a documentação relativa ao desencadeamento de contratação licitatória comum para os serviços contratados diretamente, com posterior manifestação técnico sobre eventual existência de sobrepreço nas contratações realizadas.


homem morre após ter pernas e pés decepados em acidente

Um empresário morreu na noite de quinta-feira (9) após se envolver num acidente com um caminhão na BR-230, entre as cidades de Aparecida e Sousa, no Sertão paraibano. O empresário, que seguia em uma motocicleta, chegou a ter braços e pernas decepados com a colisão frontal e morreu no local.
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Cajazeiras, o homem pilotava uma moto quando invadiu a contramão e colidiu frontalmente com um caminhão.
Segundo a Polícia Militar, o próprio motorista do caminhão ligou para o 190 avisando do acidente. Ele foi encaminhado a Delegacia,onde prestou esclarecimentos e foi liberado em seguida. Após exames do Instituto de Polícia Científica (IPC), o corpo foi encaminhado para o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol), na cidade de Cajazeiras, no Sertão.
Matéria do G1PB

O caso Rebeca 2ª audiência para decidir se padrasto vai a júri popular

A primeira audiência de instrução do caso Rebeca Cristina, que aconteceu no 1º Tribunal do Júri, em João Pessoa, terminou por volta das 20h desta quinta-feira (9) sem ter sido possível que todas as testemunhas fossem ouvidas. Nove testemunhas e uma declarante foram ouvidas pelo juiz Marcos William de Oliveira. Uma nova audiência, que dará continuidade à instrução do caso, foi marcada para o dia 17 de março, a partir das 8h, no Fórum Criminal da Capital.
Apenas nesse segundo momento poderá ser decidido se o réu Edvaldo Soares da Silva, cabo da Polícia Militar que era padrasto de Rebeca, irá a júri popular. Ele está preso no 1º Batalhão de Polícia Militar, aguardando julgamento desde julho de 2016.
Um inquérito complementar segue aberto para checar a participação de outra uma pessoa no crime.
Relembre o caso
Rebeca Cristina, 15 anos, foi encontrada morta com vários tiros na cabeça na tarde do dia 11 de julho de 2011, na praia de Jacarapé, em João Pessoa. A estudante teria saído de casa às 7h para assistir aula no Colégio Militar, como fazia todas as manhãs, quando foi raptada. Por volta das 12h30, a mãe sentiu falta da menina, pois ela não havia retornado da aula para casa, no bairro de Mangabeira, Zona Sul da Capital. A polícia foi acionada.
De acordo com autoridades, Rebeca Cristina foi achada usando apenas calcinha em um matagal considerado área de desova de corpos em Jacarapé. Uma equipe do Instituto de Polícia Científica da Capital esteve no local onde o corpo da adolescente foi encontrado para investigar indícios do crime. Exames comprovaram que ela foi estuprada e espancada.
Matéria do Portal Correio

Partido dos trabalhadores quer trazer Lula para visita à transposição na PB dia 19

O ex-presidente Lula pode vir à Paraíba ainda neste mês de março para ver de perto o resultado da obra da transposição do Rio São Francisco. Pelo menos é isso o que quer o presidente do PT da Paraíba, Charliton Machado, que anunciou uma agenda com o ex-presidente para que ele lidere uma caravana em direção à Monteiro.

A princípio, será dia 19 a data da visita do ex-presidente Lula às obras do projeto de transposição, na cidade de Monteiro. A informação é do presidente do PT da Paraíba, Charliton Machado.

Enquanto isso, o petista Marcos Henriques se empenha para aprovar, na Câmara de João Pessoa, a concessão do título de cidadão pessoense para Lula – já teria a assinatura de 17 vereadores.

O Diretório Estadual também está providenciando a publicação de outdoors na região de Campina Grande, ponto de passagem para os eixos de Monteiro e Boqueirão, que receberão as águas do São Francisco.

Multidão acompanha teste da transposição do São Francisco para o rio Paraíba

Um teste realizado nesta quinta-feira (9), na última estação de controle do eixo leste da transposição do rio São Francisco, reuniu uma multidão às margens da obra, na cidade de Monteiro, no Cariri da Paraíba, a 305 km de João Pessoa. A água chegou a atingir a calha do rio Paraíba, mas só será liberada normalmente nesta sexta-feira (10), durante evento com a presença do presidente da República, e autoridades paraibanas.
A estação funciona como uma comporta antes do próximo manancial onde a água da transposição será despejada. Ela interrompe esse fluxo quando houver, por exemplo, um período de chuvas forte capaz de encher esses mananciais sem a necessidade de se utilizar a água do São Francisco. Da mesma forma, a estação libera água modulando a quantidade, dependendo do período de estiagem.

Chegando ao açude de Poções, a água seguirá para o reservatório de Camalaú. Segundo a previsão dos engenheiros que atuam na obra, a água deve chegar ao açude Epitácio Pessoa (Boqueirão), que abastece Campina Grande e mais 18 municípios da região do Piemonte da Borborema, entre 30 e 45 dias.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) agendou para este mês uma visita a Pernambuco e Paraíba para ver de perto o projeto da transposição. O senador Humberto Costa (PT), líder da oposição no Senado, anunciou que o petista irá visitar as cidades de Sertânia (PE) e Monteiro para encontrar o povo beneficiado com a obra que, segundo o parlamentar, foi iniciada no segundo mandato de Lula.
Matéria Portal Correio

PRF aponta irregularidades em veículos escolares de 20 Municípios e do Estado

O Ministério Público da Paraíba recebeu, na última segunda-feira (16), um relatório da Polícia Rodoviária Federal com informações rela...