quarta-feira, 8 de março de 2017

Sessão solene em homenagem ao dia 08 de Março

A Prefeita Márcia Lucena participou na manhã desta quarta-feira (08), da Sessão Solene em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. A homenagem foi proposta do vereador Daniel Júnior e aconteceu no Plenário da Câmara Municipal de Conde. Além da Prefeita e dos Vereadores, a mesa foi composta pela Coordenadora de Mulheres Jaciara Costa e da Secretária do Trabalho e Ação Social, Irenilze Paixão.
     




















       
 Em seu discurso, a Prefeita destacou a importância da luta das mulheres do passado e afirmou que “essas mulheres nos deixaram um legado muito importante de resistência às mulheres do presente, uma herança de coragem a todas nós, que enfrentamos a crise econômica e o desemprego, o machismo e o preconceito”. Márcia destacou ainda que “apesar da Lei Maria Penha estabelecer que a violência doméstica é crime no Brasil, algumas mulheres ainda se omitem, é necessário que elas falem, denunciem as agressões e a partir disso construir um mundo mais digno, uma comunidade mais digna para nossas vidas e a vida de todos nós.”.
            A Coordenadora de Mulheres, Jaciara Costa, apresentou o projeto “Março da Cidadania”, destacando as ações que estão sendo realizadas em parceria com as secretarias e coordenadorias, ressaltando que o Plano Municipal de Políticas Públicas para Mulheres está em processo de finalização. “Estamos preparando a divulgação do Plano Municipal, que foi construído no mês de fevereiro, através de uma parceria entre os governos Municipal, Estadual e Federal e a Sociedade Civil, para que através dele, consigamos atender as necessidades das mulheres do município e construir uma sociedade mais humana e de igualdade de direitos.”, disse.
            A Secretária do Trabalho e Ação Social, Irenilze paixão, destacou a importância do desafio de assumir uma secretaria que trabalha com a política relacionada à garantia de direitos. “Este ano especialmente, queremos trabalhar estas garantias através da ação social para as mulheres, fazendo um trabalho de fortalecimento de vínculos nas comunidades”. A Secretária disse ainda que “é de extrema necessidade as parcerias com os órgãos municipais, a comunidade, é um trabalho conjunto o de pensar nas ações e projetos. Hoje afirmamos que temos planos e estamos lutando pela garantia de direitos das mulheres de Conde”. Afirmou.
            O Vereador Daniel Júnior, avaliou este momento como “histórico do Poder Legislativo do Município de Conde. Nós trouxemos as mulheres para a Câmara, o Conde tem uma grande etnia de mulheres, índias, negras, quilombolas, e esta sessão foi proposta para enaltecer as lutas e vitórias delas e trazer para dentro da Câmara, uma verdadeira interação com as mulheres do município”, ressaltou o vereador.

PARABÉNS A TODAS AS MULHERES PELO SEU DIA

08 de MARÇO DIA INTERNACIONAL DA MULHER PARABÉNS

novo arcebispo da Paraíba, Dom Manoel Delson, concedeu uma entrevista coletiva

O novo arcebispo da Paraíba, Dom Manoel Delson, concedeu uma entrevista coletiva nesta quarta-feira (8), logo após o anúncio de sua nomeação, para falar como deve ser a sua condução na Igreja Católica paraibana, principalmente com relação a denúncias de pedofilia. Dom Delson garantiu que irá trabalhar para combater qualquer prática deste tipo e assegurou que todos os casos denunciados serão acompanhados e investigados e nenhum deles deve ser jogado para debaixo do tapete.

“A orientação sobre estas questões é dada pelo Papa e eu vou seguir, de acompanhar cada caso na justiça e, concluindo os processos, encaminhar para Roma tomar a última decisão com a Congregação do Clero e a Congregação dos Bispos. Eu vou estar mais preocupado com as questões pastorais e se novos casos aparecerem ai me cabe abrir o inquérito interno e ser apurado qualquer culpa para encaminhar para Roma. Já existem orientações bem concretas da Igreja e a gente vai segui-las, rezando para que a igreja se converta. Nos fatos concretos a igreja tem que agir para manter a igreja livre da pedofilia”, declarou.

Ainda em relação à pedofilia, ele falou que as dificuldades da Arquidiocese todos conhecem e não é novidade. De acordo com Dom Delson, a primeira coisa é trabalhar bem com o Clero, na formação e ajudar a elevar sua autoestima. “Eu creio que estando próximo, convivendo e apontando os caminhos que a igreja deve percorrer. No mais eu preciso entrar na realidade da Arquidiocese para então dar a minha contribuição. Vou lá como irmão para servir nas alegrias e nas tristezas, nas vitórias e nos fracassos eu vou caminhar com aquela igreja santa e pecadora”.

Além disso, ele afirmou que serão formados diálogos a respeito da participação de padres na política, mas não quis dar detalhes.

Sobre a escolha

Dom Delson confessou ter ficado ansioso sobre a sua escolha para assumir a Arquidiocese. “Eu tremi nas bases. Eu vinha pensando que devia ser outro porque minha expectativa era continuar mais tempo em Campina Grande. Até eu dizer sim, eu fiquei muito inquieto, mas depois de dizer sim eu me acalmei. Eu sei das dificuldades, mas sei também da vontade de todos em contribuir”, falou o novo arcebispo.

Ele explicou que foram quatro anos e meio de trabalho na diocese campinense que o fizeram sentir-se integrado a cidade, se sentindo como um filho desta terra. “Eu tenho o título de cidadão campinense, que muito me orgulho e a transferência me deixa aquele sentimento de uma dificuldade de digerir essa mudança, mas faz parte do trabalho na igreja. Vou com este sentimento de ter que deixar Campina Grande, mas também abraçar essa nova missão que o Papa me confia, vou com este espirito de colaborar com a igreja”.

O bispo já sabia que seria o escolhido desde o dia 11 de fevereiro quando recebeu o comunicado e lhe foi dado alguns dias para responder se aceitaria ou não. “Eu não poderia dizer não porque teria que ter um motivo grave e confiando na história de Deus em nossa vida, eu disse sim”, falou.

Posse. A posse de Dom Delson como Arcebispo Metropolitano da Paraíba está marcada para o dia 20 de maio. Ele vai ser o sétimo Arcebispo. Até esta data, Dom Genival Saraiva de França fica no cargo de Administrador Apostólico da Arquidiocese da Paraíba.

Dom Delson continua na administração da Diocese campinense até o dia 20 de maio. Após esta data, será marcada uma reunião do Colégio de Consultores, composto por seis padres da cidade, para escolher um novo administrador interino, que ficará a frente até um novo bispo ser anunciado, o chamado tempo de vacância.

“Eu espero que seja um bispo que tenha uma boa relação com o clero e também uma capacidade pastoral muito grande. Campina Grande tem muitos desafios e certamente eu não consegui atingir todos desta grande cidade. O novo bispo deve ter a capacidade de perceber os desafios e responder a esta demanda com ações concretas”, disse.

“A missão na igreja é de quem tem fé. Se a gente olhar pelo lado humano, a gente acha assim ‘será que eu vou dar conta disso’, mas Deus vai ajudar. Nesses quatro anos, eu aprendi muita coisa em Campina Grande e creio que essa vivência como bispo me ajudará bastante” - Dom Manoel Delson.

CRAS Itinerante atende as famílias de Mituaçu nesta sexta-feira


A comunidade Mituaçú, na zona rural do município de Conde, vai receber na próxima sexta-feira (10), o Projeto CRAS Itinerante. A ação está sendo promovida pela Prefeitura através da Secretaria de Trabalho e Ação Social e será realizada na Escola Municipal Ouvidio Tavares, das 08h ás 15h. O Projeto leva para a comunidade todos os serviços oferecidos pela Secretaria, como assistência à Bolsa Família, Conselho Tutelar e CREAS.
De acordo com a Secretária do Trabalho e Ação Social, Irenilze Paixão, o intuito do Projeto CRAS Itinerante “é levar as ações da assistência social para as comunidades, oferecer os serviços, projetos e programas que a Secretaria tem disponível para a população, assim, a assistência fica cada vez mais próximas das famílias”, disse.
Outro ponto que a Secretária destacou é relacionado à Bolsa Família. “Durante a ação, além do cadastro inicial que estaremos fazendo para quem deseja ser beneficiado pelo programa Bolsa Família, vamos fazer também a consulta para aqueles que estão com algum problema de cancelamento e bloqueio do benefício e poder dar o encaminhamento necessário para cada situação”.
Esta vai ser a primeira ação do projeto CRAS Itinerante no município de Conde. Durante o mês de março, outras comunidades também estarão recebendo o projeto. Com a implantação deste serviço, as equipes atendem as pessoas da zona rural, que por algum motivo, não possam ter acesso até a unidade.
Matéria do SECOMD

Reunião com barraqueiros sobre a ordem de despejo

 
Demolição de barracas em Conde: Reunião decide futuro dos barraqueiros

Os barraqueiros de Jacumã e adjacências convocaram uma reunião com a prefeitura de Conde ontem, 06 de março, para conversar sobre a atual situação dos estabelecimentos que estão sob processo de desapropriação e demolição das barracas. A reunião aconteceu em Jacumã e contou com a presença da maioria dos donos de quiosques. Também estiveram presentes os Secretários e Secretárias de Infraestrutura, Meio Ambiente, Turismo, Governança e Orçamento Democrático. 
A reunião teve como objetivo principal esclarecer em que patamar se encontra a ação de demolição das barracas que se encontram em Área da União. O processo, movido pelo IBAMA, está ocorrendo há mais de vinte anos e já foi transitado e julgado desde 2015, e não há mais possibilidade de recorrer. A decisão judicial não foi cumprida pela gestão anterior e a Prefeitura agora trabalha com um prazo compulsório de noventa dias para realizar a demolição das barracas sob pena de multa diária de mil reais.
Segundo Flávio Tavares, Secretário de Planejamento de Conde, a Prefeitura está empenhada em mediar esse processo: já fez reunião com o IBAMA, a Secretaria de Patrimônio da União (SPU) e o Ministério Público Federal para conseguir uma dilatação de prazo no intuito de construir um projeto para a realocação e reurbanização dos quiosques. O secretário informa que a Prefeita Márcia Lucena irá a Brasília no dia 21 de março para conseguir recursos para esse projeto através dos Ministérios do Turismo e de Esportes.
Aurora Costa, Secretária de Meio Ambiente explica que, da maneira que foram construídas, muitas barracas prejudicam o meio ambiente e têm problemas estruturais e de saneamento e que esse novo projeto contemplará o viés de sustentabilidade e saúde pública e destaca a parceria e a sensibilidade da gestão com os barraqueiros. Matéria do SECOMD
 Confira no Vídeo da TV Livre  onde os barraqueiros das praias do nosso litoral Sul em Conde onde os mesmos falam que a gestora atual prefeita Marcia Lucena não tem culpa do que eles estão enfrentado , e que são consequências da gestão passada.




Luciano Cartaxo reúne bancada e tenta 'colar' divisão de blocos

Na tarde desta quarta-feira (8), o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), reúne a bancada de sustentação, na Estação Cabo Branco, no Altiplano.
O foco da mensagem do prefeito aos aliados é a unidade da bancada e o bloqueio de qualquer tentativa de divisão em blocos.
“Estamos reiniciando os trabalhos legislativos e nada mais natural do que reunirmos a bancada para discutirmos os projetos que serão enviados a à Câmara e unir a bancada. Vamos compartilhar o planejamento da prefeitura para este ano e ouvir propostas e  sugestões. O foco é mantermos uma boa relação com os vereadores e a instituição”, destacou o prefeito.

503 mulheres sofrem agressão a cada hora

Redação Tambaú 247 - Uma pesquisa realizada pela Datafolha e encomendada pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, divulgou nesta quarta-feira (8), que no ano passado, 503  mulheres foram vítimas de agressão física a cada hora no país.  O que totaliza 4,4 milhões de vítimas de chutes, empurrões ou batidas, considerando apenas as maiores de 16 anos.
Se foram consideradas agressões verbais, o índice acima, que é 9%, sobe para 29%. O estudo relata ainda que 10% ou 5 milhões de brasileiras dizem ter sofrido ameaças de espancamento, 22% ou 12 milhões foram alvo de humilhações.
A pesquisa apresenta ainda casos mais graves, como ameaças com facas ou armas de fogo (4%), lesão por objetivo atirado (4%) e espancamento ou tentativa de estrangulamento (3%).
Conforme Datafolha, 40% das mulheres com mais de 16 anos sofreram assédio dos mais variados tipos em 2016. Outras 36%(ou 20,4 milhões) foram alvo de comentários desrespeitosos ao andar na rua.
Há ainda as que foram assediadas fisicamente em transporte público: 5,2 milhões ou 10,4%. As que foram agarradas ou beijadas sem consentimento chegaram 2,2 milhões (5%). Neste caso, as principais vítimas têm entre 16 e 24 anos e são negras.

ALPB: Confirmada recondução de Estela Bezerra para presidência da CCJ

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) instalou nesta terça-feira (10) a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e como já esperado a deputada estadual Estela Bezerra foi reconduzida à presidência da comissão. A deputada Camila Toscano (PSDB) foi escolhida como vice-presidente.
Ela foi eleita, por aclamação, pelos sete membros titulares da CCJ, contando com ela. Desde o final do ano passado havia uma disputa interna na Casa para presidir a comissão entre os deputados Anísio Maia (PT), Trócolli Júnior (Pros) e João Henrique (DEM), mas com a interferência do governador Ricardo Coutinho (PSB), Estela foi reconduzida à função.
“Teremos um mandato de dedicação, de trabalho. Uma das coisas que mais me alegraram nesse tempo inteiro é ter tido o reconhecimento dos meus pares de que eu tenho a competência e o equilíbrio para estar conduzindo a CCJ”, disse Estela.

Líder quer adesão de mais dois vereadores e diz que tem aliado com “ciuminho” da sua liderança na CMJP

O líder do prefeito na Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), o vereador Helton Renê (PCdoB), afirmou, nesta terça-feira (7), estar trabalhando para ampliar ainda mais a bancada de situação na Casa. Com a adesão do vereador Chico do Sindicato (PT do B) confirmada nessa segunda-feira (6), hoje a base governista conta com 18 parlamentares.

Leia também: Cartaxo abre trabalhos na CMJP e anuncia autorização para realização de concurso
“Hoje estamos querendo arredondar para 20, já são 18 parlamentares na base aliada”, disse Helton.
O vereador, que ainda enfrenta certa resistência na liderança por parte de alguns colegas aliados, disse que tudo não passa de “ciuminho”, mas que isso faz parte do trabalho ao qual foi designado.
“Nós fomos escolhidos pelo prefeito e, evidentemente, cada parlamentar tem a sua autonomia de pensamento, e meu trabalho como líder é de consultoria, de orientação dentro do plenário. Um ou outro tem um ciuminho, mas isso é bobagem”, declarou.

PRF aponta irregularidades em veículos escolares de 20 Municípios e do Estado

O Ministério Público da Paraíba recebeu, na última segunda-feira (16), um relatório da Polícia Rodoviária Federal com informações rela...