quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

Brasil tem 3 mil casos suspeitos de microcefalia relacionada ao Zika



Mosquito Aedes aegypti, responsável pela transmissão dos vírus da dengue, febre chikungunya e Zika Dados divulgados hoje (5) pelo Ministério da Saúde mostram que foram notificados 3.174 casos suspeitos de microcefalia relacionada ao vírus Zika em recém-nascidos. Pela primeira vez está sendo investigado um caso no estado do Amazonas. As notificações estão distribuídas em 684 municípios de 21 unidades da federação. Também estão em investigação 38 óbitos de bebês com microcefalia, possivelmente relacionados ao vírus Zika.

O Ministério da Saúde só tem divulgado o número de casos em que há suspeita de que o recém-nascido tem microcefalia relacionada ao vírus Zika. Os bebês têm o quadro confirmado ou descartado depois que passam por exames neurológicos e de imagem, como a ultrassonografia transfontanela  e a tomografia, porém, desde que começou a divulgar semanalmente boletins, a pasta tornou publica a confirmação de 134 casos e o descarte de 102.

O estado de Pernambuco, o primeiro a identificar aumento de microcefalia, continua com o maior número de casos suspeitos (1.185), o que representa 37,33% do total registrado em todo o país. Em seguida, estão Paraíba (504), da Bahia (312), Rio Grande do Norte (169), Sergipe (146), Ceará (134), Alagoas (139), Mato Grosso (123) e Rio de Janeiro (118).

Transmitido pelo Aedes aegypti, o vírus Zika começou a circular no Brasil em 2014, mas só teve os primeiros registros feitos pelo Ministério da Saúde em maio de 2015. O que se sabia sobre a doença, até o segundo semestre de 2015, era que sua evolução é benigna e que os sintomas são mais leves do que os da dengue e da febre chikungunya, também transmitidas pelo mesmo mosquito.

Porém, no dia 28 de novembro, o Ministério da Saúde confirmou que, quando gestantes são infectadas por esse vírus, podem gerar crianças com microcefalia, uma malformação irreversível do cérebro, que pode ser associada a danos mentais, visuais e auditivos.

A microcefalia não é uma malformação nova, é sintoma de algum problema no organismo da gestante e do bebê, e pode ter diversas origens, como infecção por toxoplasmose, pelo citomegalovírus e agora ficou confirmado que também pelo vírus Zika. O uso de álcool e drogas durante a gravidez também pode levar a essa condição.

Ex-presidiario e executado no conde


DSC05066Passavam-se das 15hs desta terça-feira dia 05 onde no Loteamento Nossa Senhora da Conceição um apenado do semiaberto que cumpria pena na cadeia pública de Alhandra foi alvejado com vários disparos de arma de fogo. A vitima de 31 anos Jonatas Freire Barbalho (era conhecido por Juca)

o mesmo estava trabalhando como gari no caminhão que recolhe o lixo na cidade com uma empresa que presta serviço a prefeitura municipal de Conde, quando o fato aconteceu o mesmo foi alvejado com vários disparos em plena luz do dia. O fato aconteceu próximo ao bar de Cunha antigo Cabaré.

A polícia não sabe ainda quem poderá ter cometido tal crime, mas que tudo leva a crer que seja acerto de contas. Segundo a Polícia. Informações da PM e Civil que já estava insolando o local na hora em que nossa equipe chegou para fazer a matéria.

Luiz Couto gera polêmica entre prefeito e vice em Bananeiras

Quarta-feira O6/01/2016

Emenda de Luiz Couto gera polêmica entre prefeito e vice em BananeirasO vice-prefeito de Bananeiras e pré-candidato a prefeito em 2016, Matheus Bezerra (PMDB) parabenizou hoje o deputado federal Luiz Couto (PT-PB) pela iniciativa em contribuir através da destinação de uma emenda no valor de R$100 mil para a compra de instrumentos musicais nas escolas do município. Matheus lamentou, porém as declarações do prefeito Douglas Lucena, que teria desmerecido o esforço do parlamentar em destinar recursos para o município tentando se apoderar do trabalho parlamentar do deputado.

A Prefeitura de Bananeiras, de acordo com Matheus, boicotou essa importante inciativa do Deputado Federal. Os motivos para a omissão do nome do deputado são desconhecidos, mas esse fato revoltou o peemedebista que considera um desrespeito por parte do prefeito Douglas Lucena tal ocorrido.

No dia 31 de dezembro de 2015, o prefeito usou suas redes sociais para relatar que a conquista de R$ 100 mil para a compra de instrumentos musicais para serem utilizados nas escolas do município foi fruto somente da sua articulação, não citando em nenhum momento que foi de autoria do Deputado Luiz Couto a emenda individual que assegurou os recursos. “Conseguimos o empenho de mais R$ 100 mil reais no Ministério da Cultura, para compra de instrumentos musicais”, declarou o prefeito na sua conta do facebook, renegando qualquer autoria por parte do parlamentar federal.

Parabenizando o deputado Luiz Couto pela importante emenda de 100 mil reais, Matheus afirmou: “Sua atitude mostra grandeza e respeito ao nosso povo bananeirense. Uma das maiores qualidade de um político e de um ser humano é a capacidade de reconhecimento. Lamento que o atual prefeito de Bananeiras tenha anunciado os 100 mil reais de uma maneira a pegar carona naquilo que ele não teve participação na articulação. Não é possível querer pegar garapa em tudo. O que temos que fazer é trabalharmos para conseguir mais, ao invés de querer fazer parecer aquilo que não é. Faltou verdade”, disse Matheus ao elogiar a atitude do deputado que irá beneficiará três escolas do município que ainda não foram definidas.

Vereador é assassinado a tiros no Sertão de Pernambuco

Quarta-feira O6/01/2016


Vereador é assassinado a tiros no Sertão de Pernambuco
O vereador Lucimar Feitosa (PSB) foi assassinado na PE-320, na zona rural de Triunfo, no Sertão de Pernambuco, por volta das 21h30 da segunda-feira (4). De acordo com a Polícia Civil, o político havia saído do seu sítio e estava indo para casa sozinho numa motocicleta, próximo ao portal da cidade, quando foi abordado e alvejado por vários tiros.

Lucimar Feitosa tinha 42 anos e era policial militar. A Polícia Civil ainda não sabe informar qual seria a motivação do crime e quantas pessoas estão envolvidas. Até o momento, ninguém foi preso.

Quarta-feira O6/01/2016
Falta de água atinge Bayeux e Santa Rita nesta quarta
A Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) executa, nesta quarta-feira (6), serviço de manutenção corretiva na unidade R-18 no Alto da Boa Vista, em Bayeux. Em decorrência dos trabalhos, o abastecimento de água será interrompido, das 8h às 22h, nos bairros: Alto da Boa Vista, Tambaí, Rio do Meio, Jardim Aeroporto, em Bayeux; e Distrito de Várzea Nova, em Santa Rita.

Mais informações sobre os serviços executados pela Cagepa podem ser obtidas gratuitamente pelo telefone 115.

BR-230 volta a ser interditada para nova etapa do viaduto da Geraldo Mariz

Quarta-feira O6/01/2016

BR-230 volta a ser interditada para nova etapa do viaduto da Geraldo MarizUma nova etapa da obra do viaduto da Avenida Geraldo Mariz será realizada do dia seis ao dia oito de janeiro. Para isso, a Prefeitura Municipal de João Pessoa precisará interditar parcialmente o trecho da BR-230 compreendido entre os quilômetros 17 e 18. A interdição acontecerá em horários alternados, sempre no turno da noite.

Serão fechadas para circulação as faixas centrais nos dois sentidos de fluxo. A primeira interdição acontece a partir das 22h do dia seis, estando a via liberada às 5h do dia sete de janeiro. No mesmo dia, a via volta a ter as faixas centrais fechadas às 22h, sendo liberada em definitivo a partir das 5h do dia oito.

Neste período, a Secretaria Municipal da Infraestrutura poderá realizar o trabalho de protensão da viga transversiva central. Parte essencial da estrutura do viaduto.

A obra, que liga as ruas José Florentino Júnior e Dep. Geraldo Mariz, vai conectar o bairro da Torre aos bairros Tambauzinho e Miramar, possibilitando que os condutores tenham uma rota alternativa à Avenida Epitácio Pessoa. Com a alternativa de tráfego, a via principal poderá ser desafogada, principalmente nos horários de pico.

Temer defende harmonia no PMDB e em sua relação com Dilma


Quarta-feira O6/01/2016
Michel TemerO vice-presidente da República, Michel Temer, disse que o país precisa de "muita harmonia" e que o Ano-Novo é o momento certo para que haja uma relação mais harmoniosa nas bancadas do PMDB e entre ele e a presidente Dilma Rousseff.

Temer conversou rapidamente com os jornalistas ao sair do seu gabinete na Vice-Presidência. Nesta terça-feira (5), ele despachou pela primeira vez no ano em Brasília.

Ao ser perguntado sobre como fica a relação dele com Dilma após o envio de uma carta com queixas ao tratamento recebido por parte da presidente, ele disse que fica "harmoniosa".

"Precisamos de muita harmonia. Eu tenho dito isso com muita frequência. Acho que o Ano-Novo é ano que enseja, pelo menos o começo, exatamente essa ideia da harmonia absoluta, no país. Harmonia no PMDB, nas bancadas do PMDB, em todos os locais. Acho que é isso que precisamos esperar", disse Temer, que é presidente nacional do PMDB.

Nas últimas semanas, os membros do partido têm apresentado divergências internas quanto à liderança da bancada na Câmara dos Deputados e ao posicionamento da legenda sobre o processo de impeachment contra Dilma.

O vice-presidente evitou responder se 2016 será um ano mais difícil do que 2015, mas disse ter esperanças na melhora dos fatores econômicos. "Se for difícil, mas se a economia for esperançosa de que melhore, tudo bem", declarou.

Rômulo diz que Petrobras vai normalizar abastecimento de combustíveis na PB

Quarta-feira O6/01/2016

Rômulo GouveiaO deputado federal Rômulo Gouveia (PSD) divulgou nesta terça-feira (5) que recebeu um comunicado da Petrobras, no mesmo dia, afirmando que o abastecimento na Paraíba será restabelecido. O deputado disse que manteve contato com o consultor Presidente da Petrobras, Armando Sérgio Prado de Toledo.


“Tivemos alguns atrasos em navios de cabotagem e problemas operacionais em algumas unidades de produção, o que levou a uma redução de estoques de gasolina na cabotagem. O problema não ocorreu somente em Cabedelo. As dificuldades já foram ultrapassadas e o abastecimento está normalizado”, teria informado a diretoria da Petrobras ao deputado através do gerente geral de Comércio de Produtos, Rubens Azevedo dos Santos Júnior.

Leia mais notícias de Política no Portal Correio

A Paraíba está enfrentando problemas com o abastecimento de combustíveis desde dezembro de 2015, por conta de atrasos na entrega dos produtos, que é feita por navios no Porto de Cabedelo.

Mulher é encontrada morta com perfuração de faca no pescoço, em João Pessoa

Quarta-feira O6/01/2016


Crime aconteceu no bairro de GramameUma mulher foi encontrada morta com uma perfuração no pescoço, no início da tarde desta terça-feira (5), em uma calçada de uma das ruas do loteamento Parque do Sol, que fica no bairro de Gramame, na Zona Sul de João Pessoa.


Segundo o Centro Integrado de Operações Policiais da Polícia Militar em João Pessoa (Ciop), moradores da rua encontraram a mulher caída, de bruços, já sem vida.

Acionada, a PM foi ao local e constatou o crime. Segundo o Ciop, ao lado do corpo da mulher foi encontrada uma faca suja de sangue.

Até as 15h, a polícia não tinha informações sobre possíveis suspeitos do crime e aguardava a chegada de peritos da Gerência de Medicina e Odontologia Legal (Gemol), em João Pessoa, para retirar o corpo do local.

Sobe para 504 o número de casos suspeitos de microcefalia na Paraíba, em 99 cidades

Quarta-feira O6/01/2016

Casos de microcefalia aumentam na PBA Paraíba já tem 504 casos suspeitos de microcefalia, conforme o primeiro boletim epidemiológico de 2016 do Ministério da Saúde, divulgado nesta terça-feira (5). No informe anterior, eram 476 casos. O número de mortes por suspeita da doença permanece em cinco.

O número de cidades onde há casos suspeitos também aumentou e subiu 96 de para 99 e a Paraíba continua como o segundo estado com maior número de casos, perdendo apenas para Pernambuco.

De acordo com o Ministério da Saúde, as informações são referentes aos dados até o dia 2 de janeiro. Desde o início das investigações, foram notificados 3.174 casos suspeitos da doença em recém-nascidos de 684 municípios de 21 estados. Pela primeira vez, está sendo investigado um caso no estado do Amazonas. Também estão em investigação 38 óbitos de bebês com microcefalia possivelmente relacionados ao vírus Zika.

O estado de Pernambuco, o primeiro a identificar aumento de microcefalia, continua com o maior número de casos suspeitos (1.185), o que representa 37,33% do total registrado em todo o país. Em seguida, estão os estados da Paraíba (504), Bahia (312), Rio Grande do Norte (169), Sergipe (146), Ceará (134), Alagoas (139), Mato Grosso (123) e Rio de Janeiro (118).

A microcefalia está associada ao Zika vírus, transmito pela picada do mosquito Aedes aegypti, o mesmo que transmite a dengue e a febre chikungunya, conforme divulgado pelo Ministério da Saúde.

Homem morre e três ficam feridos após capotamento em trecho da BR-361

Quarta-feira O6/02/2016


Carro capotou e ficou destruídoUma pessoa morreu e outras três ficaram feridas após um capotamento de um carro no km 97 da BR 361, entre os municípios de Piancó e Itaporanga, ambos no Sertão paraibano, respectivamente a 398 km e 428 km de João Pessoa.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), no veículo vinham um homem de 33 anos de idade, duas crianças e uma jovem de 18 anos. Porém, ainda segunda a PRF, o motivo para o acidente não era conhecido até as 17h.

No local, o homem não resistiu aos ferimentos e morreu. Já as crianças e a jovem foram socorridas pelo Samu para hospitais da região.

Litro da gasolina chega a R$ 10 na PB; MPPB abre inquérito para investigar escassez

Quarta-feira O6/02/2016


Motoristas fazem fila para abastecer em ItaporangaA instabilidade no abastecimento de postos de combustíveis na Paraíba tem feito com que a gasolina seja comercializada a preços exorbitantes no estado, como no Sertão, onde o litro produto é vendido por até R$ 10 por terceiros. O Ministério Público da Paraíba re reuniu da manhã desta terça-feira (5), com órgãos de defesa do consumidor e com o Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo da Paraíba (Sindipetro-PB), em João Pessoa, para tratar sobre o problema do desabastecimento, e abriu um inquérito civil administrativo para apurar por que está faltando combustível nos postos do estado.


Na cidade de Itaporanga (Sertão paraibano, a 420 km de João Pessoa), os valores cobrados pelo litro do combustível passam de R$ 7. Internautas relatam que chegaram a pagar R$ 10. O superfaturamento é feito pelos próprios moradores da região, que ao encontrar um posto abastecido compram grande quantidade visando revender o produto.

Ao Portal Correio, o proprietário de um posto de combustíveis da região, Marcus Antônio Bernardino, disse que o preço cobrado no estabelecimento é R$ 3,90. Porém, desde domingo não há mais gasolina disponível para venda no local.

“Recebemos 10 mil litros no domingo e em menos de dez horas já tínhamos vendido tudo. Vou enviar caminhões para Suape e Guamaré, no Rio Grande do Norte, para ver se consigo trazer combustível. Ouvi relatos de gente que está revendendo gasolina por até R$ 7,50. Isso acontece tanto na cidade quanto na zona rural”, disse o empresário.

Na Capital

Nas redes sociais, internautas contam que estão com dificuldade de encontrar gasolina também em postos de João Pessoa e região metropolitana. "O problema em João Pessoa não é ter dinheiro para colocar gasolina, é encontrar combustível nos postos. Passei por cinco hoje e nada!", escreveu um usuário na rede social Facebook. "Aqui em Alhandra tá com um precinho camarada, R$ 3,81", ironizou outro internauta.

Preços altos 

O Portal Correio também fez contato com estabelecimentos das cidades de Patos, Campina Grande e Guarabira. Gestores dos postos informaram que não verificaram problemas no abastecimento desde a última semana de 2015, quando houve atraso na entrega de combustível no Porto de Cabedelo.

Mesmo com estoque, os preços cobrados nos postos continuam altos, devido à intensa procura, variando entre R$ 3,67 e R$ 3,81 nos estabelecimentos consultados.

 Contradição 

A Companhia Docas diz que não entende a falta de combustíveis em postos do estado e garante que o Porto de Cabedelo, na Grande João Pessoa, recebeu produto suficiente. Mesmo assim, o MPPB decidiu nesta terça (5) abrir um inquérito civil administrativo para investigar a falta dos derivados de petróleo nos postos.

A vice-presidente da Companhia Docas da Paraíba, Gilmara Timóteo, espera que, se houver alguma irregularidade, que a apuração do MPPB identifique as causas.

Segundo ela, haverá uma nova reunião nos próximos dias com Procon e Ministério Público para continuar as discussões sobre o assunto.

Gilmara falou que não há falta de combustível nos 26 tanques instalados no porto, com capacidade de 64 mil toneladas de combustíveis. “O problema está na distribuição, dos tanques para os postos de combustíveis”, disse ela, explicando que quatro distribuidoras são arrendatárias dos tanques do Proto de Cabedelo.

Ela também informou que o último navio que atracou em Cabedelo foi no dia 29 de dezembro, com dez mil toneladas de gasolina e quatro mil toneladas de óleo dísel. Um novo navio deverá chegar nesta quinta-feira (7), com 13 mil toneladas de combustíveis.

Apuração

O diretor-geral do MP-Procon, promotor de Justiça Francisco Glauberto Bezerra avisou: “Vamos apurar e alcançar os culpados, pois sonegar combustível para a população é crime. Também vamos verificar se está havendo improbidade administrativa e viabilizar a cobrança de multa por danos morais e coletivos à população paraibana”.

Bezerra também anunciou que todas as 16 distribuidoras de combustíveis instaladas na Paraíba serão ouvidas até esta sexta-feira (8). “O desabastecimento afeta a economia do estado, afeta a saúde da população, a segurança de alimentos, a segurança humana, a segurança cidadã”, completou Glauberto Bezerra.

Trio que fingia trabalhar em banco é preso suspeito de aplicar golpe contra clientes

Quarta-feira O6/01/2016

Material apreendido com o grupo detidoTrês pessoas (dois homens e uma mulher) provenientes do estado do Tocantins, foram presas na cidade de Marizópolis, no Sertão da Paraíba, a 450 km de João Pessoa, na manhã desta terça-feira (5). Segundo a Polícia Militar do município próximo de Cajazeiras, que atendeu a ocorrência, o trio se passava por funcionário de um banco e, ao oferecer ajuda a clientes, acabava cometendo golpes contra eles durante o uso de caixas eletrônicos.

Segundo o sargento F. Silva, da PM de Cajazeiras, os policiais agiram após informações repassadas pelo batalhão da cidade de Sousa, cuja atuação abrange o município de Marizópolis. “Foi montado um bloqueio na estrada que dá acesso à cidade e as prisões foram efetuadas”, contou o sargento.

O grupo foi pego enquanto trafegava em um veículo Fiat Siena de cor branca. Com os suspeitos foram apreendidos cartões de possíveis vítimas, uma maquineta de cartões de crédito, celulares, tablet, pendrives e dinheiro em espécie (a polícia não divulgou o valor).

Os suspeitos foram encaminhados para a delegacia de Polícia Civil de Cajazeiras, onde as vítimas os reconheceram. O grupo foi direcionado para o presídio da cidade e será investigado para se saber se já houve aplicação de golpes em outras regiões.