segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Paraibano toma posse como ministro efetivo do TSE nesta semana

O paraibano de Catolé do Rocha, Herman Benjamin tomará posse no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na próxima terça-feira (27) como ministro efetivo da Corte. A sessão solene está prevista para as 19h e também empossará Maria Thereza de Assis Moura no cargo de corregedora-geral da Justiça Eleitoral.
O ministro catoleense é do superior Tribunal de Justiça (STJ) e assumirá a vaga do ministro João Otávio de Noronha, que havia assumido cadeira na Corte eleitoral em 2013. O mandato de Herman Benjamin vai até 2017.
Ainda em junho de 2014, o Ministro Antônio Herman de Vasconcellos e Benjamin tomou posse no cargo de membro substituto da Corte Eleitoral.
No STJ desde 2006, Benjamin atua na 2ª Turma e na 1ª Seção do tribunal, responsáveis pelo julgamento de casos envolvendo direito público. O magistrado é conhecido por ter um posicionamento pró-fisco em ações tributárias.
Benjamin se formou em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e finalizou o mestrado pela University of Illinois College of Law, em 1987. Foi membro do Ministério Público do Estado de São Paulo, promotor e procurador de Justiça. O ministro atua também como professor universitário desde 1983.

Homem é assassinado e criança de três anos fica ferida em Santa Rita

O crime aconteceu na tarde deste sábado (24) em Cicerolândia, Santa Rita, região metropolitana de João Pessoa.
De acordo com a polícia, a vítima foi baleada por dois homens e uma criança que estava próxima ao local foi atingida com um tiro no pé. O homem chegou a ser socorrido por uma unidade do SAMU, mas não resistiu e morreu.
A princípio não se sabe se a criança era filha do homem assassinado. A polícia investiga a autoria ou motivação do crime.

Motorista de Porsche bate em quatro carros na saída de casa noturna

O motorista de um Porsche colidiu contra pelo menos outros quatro veículos após deixar uma casa noturna na região do Centro de São Paulo, no começo da manhã deste domingo (25). Ninguém se feriu.
De acordo com a Polícia Civil, o acidente aconteceu na Rua da Consolação, próximo à Praça Franklin Roosevelt. O homem contou aos policiais que estava em uma boate na Rua Araújo, a poucos metros do local da batida.
Ainda segundo a polícia, o condutor do Porsche apresentava sinais de embriaguez. Ele se recusou a fazer o teste do bafômetro e, depois de levado à delegacia, foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para a realização de um exame clínico.
O caso foi registrado no 2º Distrito Policial da capital, no Bom Retiro.

DEM dá como certa desfiliação de vereadores da Capital; 'é uma decisão unilateral', diz Efraim

"
É uma decisão unilateral". Assim reagiu o presidente estadual do DEM, Efraim Morais, quando instado a falar sobre a possibilidade de desfiliação dos vereadores Bosquinho e Lucas Brito do partido. Também ex-senador, Morais admitiu a possibilidade de saída dos parlamentares integrantes do colegiado da Câmara Municipal de João Pessoa.
Ele prevê que até o final do prazo de filiação partidária até março, conforme legislação eleitoral em vigor, haverá uma migração de detentores de mandato nas câmaras municipais intensa. "Veja bem, há uma 'janela' e tanto pode estar entrando novos companheiro como pode sair". Provado se a declaração era um recado, o presidente do DEM afirmou:
"Não, não é recado coisa alguma. Essa é uma decisão unilateral e caberá a cada vereador que tenta o mandato tomar essa posição, não se tratando apenas de João Pessoa e sim do país inteiro, mas lembrando que essa 'janela' é exclusiva para vereadores", destacou.
Disse que, apesar da indicação partidária por aliança com o PSB do governador Ricardo Coutinho, de quem os democratas são aliados, "a possibilidade de divergência e isso pode garantir a permanência dos vereadores de João Pessoa". Lembrou, ainda, que "isso aconteceu nas últimas eleições", ao se referir sobre possíveis dissidências.
A propósito, é o que pode acontecer com os vereadores Bosquinho e Lucas Brito. O primeira integra a base aliada do prefeito Luciano Cartaxo (PSB), enquanto o segundo deverá acompanhar a pré-candidatura a prefeito do PSDB do senador Cássio Cunha Lima.

Polícia prende suspeito de tentar roubar caminhão dos Correios em Caaporã

Policiais da 1ª Companhia Independente de Polícia Militar prenderam, na noite dessa sexta-feira (23), um homem que tentou roubar um caminhão baú dos Correios. Os policiais realizavam rondas, quando suspeitaram de um caminhão baú, com a logomarca do Correios, que fazia movimentos incomuns.
Segundo o capitão Kelton Pontes, comandante da 1ª CIPM, o veículo vinha do posto fiscal da cidade de cabedelo com destino a cidade de Caaporã, onde foi realizada a abordagem pelos policias militares. Durante a revista, os homens encontraram dentro do caminhão João Alexandre Sousa da Silva, 32 anos, que confessou ter praticado o crime,  juntamente com um funcionário da empresa, um homem de 50 anos, que vinha dirigindo o veículo sob ameaça de um revólver calibre 38, portado pelo acusado. O suspeito e a arma apreendida foram encaminhados para delegacia de Alhandra.
Mais ações –Ainda na noite dessa sexta-feira (23), cinco pessoas foram presas e apreendidas pelos crimes de porte ilegal de arma e roubo.
Na cidade de Mari, policiais da 3ª Companhia do 7º Batalhão de Polícia Militar realizavam diligências, quando visualizaram um homem em atitude suspeita.  Ao ser feita a abordagem,  foi encontrado com Ibernon da Silva Brito de 25 anos, um revólver calibre 38. Ele foi encaminhado, juntamente com a arma apreendida, para delegacia da cidade de Sapé.
No bairro de Tambaú, em João Pessoa, dois adultos foram presos e dois adolescentes apreendidos por  policias militares da Companhia Especializada de Apoio ao Turista. Gleison Solino da Silva, 19 anos, Lucas Melo Isidro 18 anos e dois jovens de 17 e 16 anos, foram presos instantes após a prática de roubo na orla da capital.
Os objetos do roubo foram recuperados e os suspeitos conduzidos ao 1º DISP e à Delegacia da Infância e da Juventude.
Secom PB

Por acidente, criminoso atira e atinge atendente durante assalto a mercadinho na Paraíba

Um criminoso atirou acidentalmente e baleou uma atendente durante assalto a um mercadinho no bairro Eitel Santiago, na cidade de Santa Rita, na Grande João Pessoa. O crime ocorreu na manhã deste domingo (25). O circuito de câmera do local flagrou toda a ação criminosa.

Segundo o proprietário do estabelecimento, que conversou com o Portal Correio, mas não quis ser identificado, revelou que dois homens chegaram ao mercadinho e anunciaram o assalto. Quando a jovem – que estava no caixa – pegava o dinheiro a arma de um dos assaltantes disparou.
“Os dois chegaram em uma moto, entraram no mercadinho e anunciaram o assalto. No momento em que eles pegavam dinheiro do local, uma das armas disparou acidentalmente, bateu no balcão e atingiu o lado direito do peito da jovem”, disse o comerciante.

Um jovem de 24 anos apontado pela Polícia Civil da Paraíba como o chefe de um dos grupos criminosos mais violentos de João Pessoa foi preso na noite desse sábado (24), durante uma operação policial no bairro João Paulo II, em João Pessoa. Leonardo Alves da Silva, conhecido como ‘Mago Léo’ comandava e ordenava os crimes da comunidade Jardim Mônica, no bairro Alto do Mateus. Leia mais Notícias do Portal Correio Segundo o delegado de homicídios de João Pessoa, Bruno Germano, desde dezembro de 2014 que o jovem era procurado pelas autoridades policiais da Capital. Leo, de acordo com o delegado, é apontado como autor de 11 homicídios. “Cinco assassinatos já estão comprovados a autoria como sendo ele [Léo]. Outros seis ainda estão sendo investigados, mas testemunhas já atribuíram ao jovem e o grupo dele que é grande. Já estávamos monitorando o rapaz depois da morte de mãe e filha no Alto do Mateus e depois que a justiça expediu o mandado de prisão preventiva”, falou o delegado. Leonardo Alves e outros três jovens foram localizados dentro de uma casa. A abordagem a residência foi feita pela equipe do capitão Sidney Paiva, que comanda a PM em bairros da Zona Oeste da Capital. Na residência, ainda foram presos Wesley Lohan Quirino do Nascimento, 18 anos; Edson Firmino Bernardo, 23 anos e Joalison Alexandre da Silva, 23 anos. Os policiais ainda conseguiram apreender com o grupo duas armas de fogo, um revólver calibre 357, um revólver calibre 38, 13 munições, quase 200 trouxas de maconha e três celulares. “Léo da Mônica é bastante violento. Tentamos prendê-los algumas vezes, mas como ele conhece saídas da comunidade escapava. Mas, agora ele está preso”, confirmou o capitão. Os presos foram levados para a Central de Flagrantes da nova Central de Polícia Civil da Capital e vão responder por associação criminosa e ao tráfico, porte de uso restrito.O grupo deverá seguir para a Penitenciária Flósculo da Nóbrega, o Presídio do Roger, em João Pessoa. 2

Um jovem de 24 anos apontado pela Polícia Civil da Paraíba como o chefe de um dos grupos criminosos mais violentos de João Pessoa foi preso na noite desse sábado (24), durante uma operação policial no bairro João Paulo II, em João Pessoa. Leonardo Alves da Silva, conhecido como ‘Mago Léo’ comandava e ordenava os crimes da comunidade Jardim Mônica, no bairro Alto do Mateus.

Segundo o delegado de homicídios de João Pessoa, Bruno Germano, desde dezembro de 2014 que o jovem era procurado pelas autoridades policiais da Capital. Leo, de acordo com o delegado, é apontado como autor de 11 homicídios.
“Cinco assassinatos já estão comprovados a autoria como sendo ele [Léo]. Outros seis ainda estão sendo investigados, mas testemunhas já atribuíram ao jovem e o grupo dele que é grande. Já estávamos monitorando o rapaz depois da morte de mãe e filha no Alto do Mateus e depois que a justiça expediu o mandado de prisão preventiva”, falou o delegado.
Leonardo Alves e outros três jovens foram localizados dentro de uma casa. A abordagem a residência foi feita pela equipe do capitão Sidney Paiva, que comanda a PM em bairros da Zona Oeste da Capital. Na residência, ainda foram presos Wesley Lohan Quirino do Nascimento, 18 anos; Edson Firmino Bernardo, 23 anos e Joalison Alexandre da Silva, 23 anos. Os policiais ainda conseguiram apreender com o grupo duas armas de fogo, um revólver calibre 357, um revólver calibre 38, 13 munições, quase 200 trouxas de maconha e três celulares.
“Léo da Mônica é bastante violento. Tentamos prendê-los algumas vezes, mas como ele conhece saídas da comunidade escapava. Mas, agora ele está preso”, confirmou o capitão.
Os presos foram levados para a Central de Flagrantes da nova Central de Polícia Civil da Capital e vão responder por associação criminosa e ao tráfico, porte de uso restrito.O grupo deverá seguir para a Penitenciária Flósculo da Nóbrega, o Presídio do Roger, em João Pessoa.

Estudantes capotam carro e morrem após saírem de vaquejada na Paraíba

Dois estudantes morreram e uma garota ficou gravemente ferida na madrugada deste domingo (25) em um acidente na cidade de Coremas, no Sertão do estado a 390 km de João Pessoa, na PB-426. O capotamento do veículo onde das vítimas estavam ocorreu após deixarem uma vaquejada.

Segundo sargento Pedro Morais, do Pelotão da Polícia Militar de Coremas, sete jovens estavam dentro de um veículo Fiat Uno. O motorista teria perdido o controle da direção e capotado o carro, que terminou caindo em um barranco.
“Os jovens que morreram foram identificados como sendo Anderson Lopes de Souto, 22 anos, Allyson Lopes. Sabemos que os dois são da mesma família. Testemunhas disseram que o motorista perdeu o controle do volante e provocou o acidente. O condutor também morreu. Dentro do veículo vinham sete pessoas, onde duas morreram, uma ficou ferida grave e outras quatro tiveram ferimentos leves”, comentou o policial.
Ainda de acordo com o sargento, a jovem grave foi levada pelo Samu para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande. O estado de saúde será divulgado nesta segunda-feira (25).

Em 1h, adolescente é morta a tiros na Integração e homem próximo a cemitério em JP

Duas pessoas foram assassinadas a tiros, na tarde desse domingo (25), em João Pessoa. Os crimes aconteceram no Terminal de Integração e na Rua Barão de Mauá, ambos no bairro do Varadouro.

Por volta das 14h, uma adolescente de 15 anos foi morta com pelo menos dois tiros. Ela estava sentada perto de um fiteiro no Terminal de Integração quando um homem se aproximou e efetuou os disparos. A jovem foi atingida na região da cabeça.
Minutos depois, na Rua Barão de Mauá, próximo ao Cemitério Boa Sentença, um homem foi assassinado a tiros. Testemunhas disseram à polícia que os disparos foram efetuados por uma dupla em um carro.
A polícia ainda não sabe se os crimes estão relacionados e até as 17h40 ninguém havia sido preso.

Grávida de 8 meses tenta entrar em presídio com serras, chips e baterias escondidas na vagina

Uma jovem de 21 anos foi pega, na manhã deste domingo (25), tentando entrar na Penitenciária Dr. Romeu Gonçalves Abrantes (PB 1), em João Pessoa, com serras, baterias e chips de celular escondidos na vagina. Ela está grávida de oito meses e é esposa de um preso que cumpre pena por tráfico de drogas, roubo e homicídio. O flagrante aconteceu por volta das 11h.

Foram apreendidos seis chips, cinco baterias e três serras. Após o flagrante, a jovem foi levada para um hospital e passou por exames que confirmaram que ela não carregava nenhum outro objeto no canal vaginal. Depois, ela foi encaminhada para a Central de Polícia, onde prestou esclarecimentos, e foi liberada.
A administração do PB 1 vai comunicar o ocorrido à Vara de Execuções Penais e processos devem ser abertos contra a jovem flagrada neste domingo. Ela deve ser proibida de visitar o marido por cerca de seis meses.
Segundo o diretor do presídio, Leandro Batista, o material estava envolto a uma luva de alta tensão. “As mulheres costumam usar luvas de alta tensão ou carbono por acreditar que eles vão impedir que o detector de metais indique um corpo estranho, mas o equipamento consegue sim identificar que existe algo diferente”, explica.
Ainda conforme Leandro Batista, esta foi a terceira grávida que tentou entrar na penitenciária com objetos escondidos nas partes íntimas em menos de uma semana. “Na quarta-feira flagramos uma com celular, na sexta-feira uma com drogas e hoje [domingo] essa com chips, baterias e serras. As grávidas aproveitam que não podem ser revistadas pelo scanner corporal, assim como as pessoas que têm marca-passo, e tentam burlar a segurança do presídio. Essa atitude está ficando cada vez mais recorrente”, lamentou o diretor do presídio.

PRF aponta irregularidades em veículos escolares de 20 Municípios e do Estado

O Ministério Público da Paraíba recebeu, na última segunda-feira (16), um relatório da Polícia Rodoviária Federal com informações rela...