sexta-feira, 30 de outubro de 2015

Mulher após passar mal, médicos acham 100g de drogas na vagina

Uma mulher de 37 anos foi presa depois que uma equipe médica encontrou 100 gramas de drogas na vagina dela, nessa quinta-feira (29). O flagrante aconteceu na cidade de Cajazeiras, no Sertão do estado a 450 km de João Pessoa, após a suspeita procurar atendimento médico dizendo estava passando mal devido a uma possível gravidez.

Segundo o delegado do Grupo Tático Especial (GTE) de Cajazeiras, Braz Morroni, a mulher foi até o hospital local sentido fortes dores nas partes íntimas. Quando os médicos começaram a examinar, encontraram um pacote com maconha.
“Ela foi presa e na delegacia confessou que a droga seria para o esposo dela, que cumpre pena no presídio de Cajazeiras. Uma parte da maconha já tinha sido tirada durante a visita na unidade prisional e a outra fica ficado dentro da vagina”, disse o delegado.
A mulher foi autuado por tráfico de drogas e levada para a cadeia pública feminina de Cajazeiras.

Tiroteio no Centro da Capital e deixa duas vítimas feridas

Pelo menos duas pessoas ficaram feridas após um tiroteio registrado no Ponto de Cem Réis, área de grande movimento do Centro de João Pessoa, no fim da manhã desta sexta-feira (29). A Polícia Militar informou que ainda está na ocorrência e não repassou detalhes, mas um suspeito foi preso pouco tempo depois, no bairro dos Bancários, e teria dito que foi ao Ponto de Cem Réis para cometer um homicídio.
O relojoeiro e comerciante muito conhecido na Capital pelo apelido de “Campina Relógios”, de 63 anos, foi alvejado com três disparos de arma de fogo, nesta sexta-feira (29) no Ponto de Cem Réis. No momento da ação dos criminosos, o local estava muito movimentado, fato que não inibiu a tentativa de assalto e os tiros disparados contra o comerciante, que teria reagido por não ser a primeira vez que sofreu assaltos em seu local de trabalho.
Além de “Campina”, outra pessoa foi ferida com um tiro de raspão no pé. As duas vítimas foram socorridas para o Hospital de Trauma da Capital.
A Policia Militar recebeu informações de várias testemunhas e conseguiu localizar e prender um dos acusados no bairro dos Bancários, com a arma utilizada no crime. De acordo com informações, o preso é Joelton Barbosa Saraiva, 32 anos, um ex-presidiário que tem passagem pelo presidio do Róger.

Carreta fica sem freio em ladeira e invade cinco casas no interior da Paraíba

Um motorista de 52 anos foi detido depois que a carreta que ele dirigia invadir cinco casas na cidade de Serra Redonda, no Agreste do estado a 122 km de João Pessoa. O acidente aconteceu na tarde desta sexta-feira (30). Ninguém ficou ferido.
Leia mais Notícias do Portal Correio

Segundo o sargento Ricardo Florentino, da 3ª Companhia de Ingá, o motorista relatou que estava descendo uma ladeira quando o veículo faltou freio ficando desgovernado.
“O motorista contou aos policiais militares que a carreta estava ficou sem freio e não teve como evitar o acidente. O veículo estava carregado de material que está sendo usando para recapeamento asfáltico da PB-095”, falou o sargento Ricardo.
Devido ao vazamento de óleo da carreta - que pertence a uma empresas privada - o Corpo de Bombeiros foi acionado para fazer a lavagem do local. O reboque fará a remoção do veículo. O motorista foi conduzido até a delegacia de Polícia Civil de Ingár para prestar esclarecimento.

Médico reclama de equipamento quebrado em vídeo e Governo da Paraíba repudia atitude

Um médico que seria do Hospital de Trauma gravou um vídeo que circulou nas redes sociais, neste sábado (24) mostrando que não teria como concluir uma cirurgia por causa dos equipamentos quebrados.
No vídeo, o médico que está realizando a cirurgia é obrigado a interromper o procedimento, no meio da operação, porque o equipamento apresenta seguidos defeitos. Ele denuncia o caso ao coordenador de Ortopedia do Hospital Regional de Patos, Umberto Jansen: “Eu quero que comunique à diretora (Hígia Maria Trigueiro Lucena) do hospital que simplesmente não tem condições de realizar a cirurgia aqui.”
“Faz duas horas e meia que estou operando, a furadeira não consegue progredir aqui. Terceira bateria e ela não tem força para fresar o canal. Não tem condições de fazer a cirurgia aqui, entendeu?” Diz desesperado o médico. “E, agora, eu faço o quê? Me responde?”
A atitude do médico gerou uma resposta do Governo do Estado que repudiou a atitude. Veja a nota:
NOTA
A Secretaria de Estado da Saúde e a direção do Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena lamentam a atitude do médico cooperado da ortopedia, que presta serviços no hospital, ao expor um paciente em um vídeo para fazer denúncias infundadas contra a unidade hospitalar.
O Hospital de Trauma de João Pessoa conta com equipamentos de alta tecnologia e complexidade, a exemplo dos perfuradores para procedimentos cirúrgicos, utilizados nos centros de urgência e emergência de ponta no mundo inteiro.
A unidade hospitalar, que recebeu o certificado de Acreditação (exclusivo das instituições de saúde), realiza 20 cirurgias eletivas por dia, além dos procedimentos emergenciais, o que daria, em média, 1.500 procedimentos cirúrgicos realizados na instituição.
A direção do hospital informa ainda que o paciente, que foi exposto pelo médico, teve o procedimento cirúrgico finalizado no tempo previsto sem intercorrências e recebeu alta médica na manhã deste domingo (25).
Ressaltamos, ainda, que no dia do episódio do vídeo foram realizadas 12 cirurgias eletivas, além de cinco cirurgias de emergência sem nenhum tipo de problema.
Tal atitude é repudiada pelo Governo do Estado e vai ser apurada pela direção do hospital, Secretaria de Estado de Saúde e encaminhada aos Conselhos Regional e Federal de Medicina, uma vez que a exposição pública de pacientes, através de imagens, é considerada antiética pelo próprio Código de Ética Médica (Art. 104), pelas normas internas da instituição, além de ferir um dos direitos fundamentais. 
 <iframe width="560" height="315" src="https://www.youtube.com/embed/QWgNdD6_tEI" frameborder="0" allowfullscreen></iframe>

Ferido em tiroteio na Capital não era alvo e está em situação grave; suspeito é preso

É grave o estado de saúde do homem de 61 anos que foi baleado no Centro de João Pessoa durante um tiroteio nesta sexta-feira (30). O suspeito do crime é um jovem de 32 anos que foi preso e confessou que o alvo seria outro homem, que conseguiu fugir durante os disparos. O rapaz foi preso pela Polícia Militar no bairro dos Bancários, Zona Sul de João Pessoa, depois de sequestrar um motorista.
Leia mais Notícias do Portal Correio
O delegado de Homicídios de João Pessoa, Carlos Othon, disse ao Portal Correio que o jovem preso confessou que estava no Ponto de Cem Réis com a finalidade de vingar a morte do primo, que foi assassinado há quatro anos.
“O suspeito disse que o alvo seria um homem conhecido por ‘Caim’, que estaria envolvido na morte do primo dele. O senhor foi baleado no abdômen porque entrou em luta corporal ao se assustar durante os tiros por imaginar que seu comércio estaria sendo assaltado”, falou o delegado.
Ainda durante depoimento, segundo Othon, o suspeito confirmou que ao ganhar liberdade vai consumar o assassinato. “Ele confessou que ainda vai matar o homem que fugiu. Disse que assim que tiver chance vai praticar o homicídio”, falou.
A Polícia Civil trabalha com duas linhas de investigações. “A priori estamos com duas linhas de investigações: uma por latrocínio ( roubo seguido de morte) e a outra pelo fato do suspeito ter errado o alvo dos tiros, mas outras linhas poderão aparecer no decorrer das investigações”, comentou Carlos Othon. O jovem foi preso em flagrante e vai ser apresentado na terça-feira (3) ao judiciário paraibano.

terça-feira, 27 de outubro de 2015

Homem de calcinha fica preso em ‘pega ladrão’ de muro

Na madrugada deste último domingo (25) um ladrão ficou preso de cabeça para baixo quando tentou pular o muro de uma residência localizada no bairro Queiroz no município de Boa Viagem (220 km de Fortaleza).
Segundo informações da equipe do 4º Batalhão da Polícia Militar, o indivíduo que não teve a identidade revelada estava tentando entrar na casa abandonada para ter acesso a uma outra residência quando acabou ficando preso.
O indivíduo ficou encalhado no local por cerca de uma hora até ser resgatado pelos policiais. Após ser retirado ele relatou ainda aos policiais que iria entrar na casa abandonada com seu companheiro no qual mantinha relações, mas aproveitou para levar uns objetos.
O sujeito sofreu apenas alguns arranhões e foi conduzido à delegacia local onde foram tomadas as devidas providências, e na hora de cuidar dos ferimentos o sujeito abaixou as calças e lá estava ele com uma calcinha bem sexy socada nas entranhas.

Grupos fecham rodovias no interior e na saída de JP para Natal

Moradores da cidade de Guarabira (Agreste do estado, a 98 km de João Pessoa) bloquearam, na manhã desta terça-feira (27), os dois sentidos da rodovia estadual PB-073. Os manifestantes ocuparam a pista por volta das 7h e só a liberaram por volta das 9h50. Por volta das 11h, índios fecharam os dois sentidos do km 20 da BR-101 em Mamanguape, no Litoral Norte do estado, saída de João Pessoa para Natal (RN), e liberaram o local por volta das 13h15.
Leia mais Notícias no Portal Correio
De acordo com a Polícia Militar, os moradores reivindicaram medidas de segurança para o trânsito na rodovia, como a construção de lombadas. Na última sexta-feira (23), um motociclista morreu após sofrer acidente no trecho.
Os manifestantes atearam fogo em pneus e o Corpo de Bombeiros precisou ser acionado para conter as chamas. Ninguém ficou ferido e nenhum conflito foi registrado pela Polícia Militar durante o protesto.

Menor é detido suspeito de participar de assassinato em padaria de Cabedelo

Um adolescente de 17 anos foi apreendido, na manhã desta terça-feira (27), suspeito de ter participado da morte de um comerciante durante assalto a uma padaria na cidade de Cabedelo, na Grande João Pessoa. O menor foi levado para a Delegacia da cidade e será encaminhado, ainda nesta terça, para o Centro Educacional do Adolescente (CEA). Nessa segunda (26), um homem se entregou como suspeito de ter participado do mesmo crime.
De acordo com o delegado Ademir Fernandes, o adolescente teria dado apoio ao autor do disparo que matou o comerciante. “As investigações apontam que ele ficou do lado de fora do estabelecimento, dando cobertura à ação, e foi o responsável por pilotar a moto durante a fuga do local”, disse. Ainda conforme o delegado, o adolescente negou ter participado do crime.
O crime aconteceu na noite do dia 27 de maio. Conforme mostram as imagens do circuito de segurança, dois homens armados chegaram à padaria, onde estavam o dono do estabelecimento e o filho dele, operando o caixa. O suspeito armado, usando um capacete, pega o dinheiro do caixa, mas atira no rosto do jovem na hora da fuga. O jovem de 26 anos ficou com ferimentos graves, não resistiu e morreu no dia seguinte.
Nessa segunda-feira (26), o homem suspeito de ter atirado no comerciante se entregou à polícia. Ele está preso por força de mandado de prisão provisória e deverá permanecer em regime fechado por 30 dias.

segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Paraibano toma posse como ministro efetivo do TSE nesta semana

O paraibano de Catolé do Rocha, Herman Benjamin tomará posse no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na próxima terça-feira (27) como ministro efetivo da Corte. A sessão solene está prevista para as 19h e também empossará Maria Thereza de Assis Moura no cargo de corregedora-geral da Justiça Eleitoral.
O ministro catoleense é do superior Tribunal de Justiça (STJ) e assumirá a vaga do ministro João Otávio de Noronha, que havia assumido cadeira na Corte eleitoral em 2013. O mandato de Herman Benjamin vai até 2017.
Ainda em junho de 2014, o Ministro Antônio Herman de Vasconcellos e Benjamin tomou posse no cargo de membro substituto da Corte Eleitoral.
No STJ desde 2006, Benjamin atua na 2ª Turma e na 1ª Seção do tribunal, responsáveis pelo julgamento de casos envolvendo direito público. O magistrado é conhecido por ter um posicionamento pró-fisco em ações tributárias.
Benjamin se formou em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e finalizou o mestrado pela University of Illinois College of Law, em 1987. Foi membro do Ministério Público do Estado de São Paulo, promotor e procurador de Justiça. O ministro atua também como professor universitário desde 1983.

Homem é assassinado e criança de três anos fica ferida em Santa Rita

O crime aconteceu na tarde deste sábado (24) em Cicerolândia, Santa Rita, região metropolitana de João Pessoa.
De acordo com a polícia, a vítima foi baleada por dois homens e uma criança que estava próxima ao local foi atingida com um tiro no pé. O homem chegou a ser socorrido por uma unidade do SAMU, mas não resistiu e morreu.
A princípio não se sabe se a criança era filha do homem assassinado. A polícia investiga a autoria ou motivação do crime.

Motorista de Porsche bate em quatro carros na saída de casa noturna

O motorista de um Porsche colidiu contra pelo menos outros quatro veículos após deixar uma casa noturna na região do Centro de São Paulo, no começo da manhã deste domingo (25). Ninguém se feriu.
De acordo com a Polícia Civil, o acidente aconteceu na Rua da Consolação, próximo à Praça Franklin Roosevelt. O homem contou aos policiais que estava em uma boate na Rua Araújo, a poucos metros do local da batida.
Ainda segundo a polícia, o condutor do Porsche apresentava sinais de embriaguez. Ele se recusou a fazer o teste do bafômetro e, depois de levado à delegacia, foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para a realização de um exame clínico.
O caso foi registrado no 2º Distrito Policial da capital, no Bom Retiro.

DEM dá como certa desfiliação de vereadores da Capital; 'é uma decisão unilateral', diz Efraim

"
É uma decisão unilateral". Assim reagiu o presidente estadual do DEM, Efraim Morais, quando instado a falar sobre a possibilidade de desfiliação dos vereadores Bosquinho e Lucas Brito do partido. Também ex-senador, Morais admitiu a possibilidade de saída dos parlamentares integrantes do colegiado da Câmara Municipal de João Pessoa.
Ele prevê que até o final do prazo de filiação partidária até março, conforme legislação eleitoral em vigor, haverá uma migração de detentores de mandato nas câmaras municipais intensa. "Veja bem, há uma 'janela' e tanto pode estar entrando novos companheiro como pode sair". Provado se a declaração era um recado, o presidente do DEM afirmou:
"Não, não é recado coisa alguma. Essa é uma decisão unilateral e caberá a cada vereador que tenta o mandato tomar essa posição, não se tratando apenas de João Pessoa e sim do país inteiro, mas lembrando que essa 'janela' é exclusiva para vereadores", destacou.
Disse que, apesar da indicação partidária por aliança com o PSB do governador Ricardo Coutinho, de quem os democratas são aliados, "a possibilidade de divergência e isso pode garantir a permanência dos vereadores de João Pessoa". Lembrou, ainda, que "isso aconteceu nas últimas eleições", ao se referir sobre possíveis dissidências.
A propósito, é o que pode acontecer com os vereadores Bosquinho e Lucas Brito. O primeira integra a base aliada do prefeito Luciano Cartaxo (PSB), enquanto o segundo deverá acompanhar a pré-candidatura a prefeito do PSDB do senador Cássio Cunha Lima.

Polícia prende suspeito de tentar roubar caminhão dos Correios em Caaporã

Policiais da 1ª Companhia Independente de Polícia Militar prenderam, na noite dessa sexta-feira (23), um homem que tentou roubar um caminhão baú dos Correios. Os policiais realizavam rondas, quando suspeitaram de um caminhão baú, com a logomarca do Correios, que fazia movimentos incomuns.
Segundo o capitão Kelton Pontes, comandante da 1ª CIPM, o veículo vinha do posto fiscal da cidade de cabedelo com destino a cidade de Caaporã, onde foi realizada a abordagem pelos policias militares. Durante a revista, os homens encontraram dentro do caminhão João Alexandre Sousa da Silva, 32 anos, que confessou ter praticado o crime,  juntamente com um funcionário da empresa, um homem de 50 anos, que vinha dirigindo o veículo sob ameaça de um revólver calibre 38, portado pelo acusado. O suspeito e a arma apreendida foram encaminhados para delegacia de Alhandra.
Mais ações –Ainda na noite dessa sexta-feira (23), cinco pessoas foram presas e apreendidas pelos crimes de porte ilegal de arma e roubo.
Na cidade de Mari, policiais da 3ª Companhia do 7º Batalhão de Polícia Militar realizavam diligências, quando visualizaram um homem em atitude suspeita.  Ao ser feita a abordagem,  foi encontrado com Ibernon da Silva Brito de 25 anos, um revólver calibre 38. Ele foi encaminhado, juntamente com a arma apreendida, para delegacia da cidade de Sapé.
No bairro de Tambaú, em João Pessoa, dois adultos foram presos e dois adolescentes apreendidos por  policias militares da Companhia Especializada de Apoio ao Turista. Gleison Solino da Silva, 19 anos, Lucas Melo Isidro 18 anos e dois jovens de 17 e 16 anos, foram presos instantes após a prática de roubo na orla da capital.
Os objetos do roubo foram recuperados e os suspeitos conduzidos ao 1º DISP e à Delegacia da Infância e da Juventude.
Secom PB

Por acidente, criminoso atira e atinge atendente durante assalto a mercadinho na Paraíba

Um criminoso atirou acidentalmente e baleou uma atendente durante assalto a um mercadinho no bairro Eitel Santiago, na cidade de Santa Rita, na Grande João Pessoa. O crime ocorreu na manhã deste domingo (25). O circuito de câmera do local flagrou toda a ação criminosa.

Segundo o proprietário do estabelecimento, que conversou com o Portal Correio, mas não quis ser identificado, revelou que dois homens chegaram ao mercadinho e anunciaram o assalto. Quando a jovem – que estava no caixa – pegava o dinheiro a arma de um dos assaltantes disparou.
“Os dois chegaram em uma moto, entraram no mercadinho e anunciaram o assalto. No momento em que eles pegavam dinheiro do local, uma das armas disparou acidentalmente, bateu no balcão e atingiu o lado direito do peito da jovem”, disse o comerciante.

Um jovem de 24 anos apontado pela Polícia Civil da Paraíba como o chefe de um dos grupos criminosos mais violentos de João Pessoa foi preso na noite desse sábado (24), durante uma operação policial no bairro João Paulo II, em João Pessoa. Leonardo Alves da Silva, conhecido como ‘Mago Léo’ comandava e ordenava os crimes da comunidade Jardim Mônica, no bairro Alto do Mateus. Leia mais Notícias do Portal Correio Segundo o delegado de homicídios de João Pessoa, Bruno Germano, desde dezembro de 2014 que o jovem era procurado pelas autoridades policiais da Capital. Leo, de acordo com o delegado, é apontado como autor de 11 homicídios. “Cinco assassinatos já estão comprovados a autoria como sendo ele [Léo]. Outros seis ainda estão sendo investigados, mas testemunhas já atribuíram ao jovem e o grupo dele que é grande. Já estávamos monitorando o rapaz depois da morte de mãe e filha no Alto do Mateus e depois que a justiça expediu o mandado de prisão preventiva”, falou o delegado. Leonardo Alves e outros três jovens foram localizados dentro de uma casa. A abordagem a residência foi feita pela equipe do capitão Sidney Paiva, que comanda a PM em bairros da Zona Oeste da Capital. Na residência, ainda foram presos Wesley Lohan Quirino do Nascimento, 18 anos; Edson Firmino Bernardo, 23 anos e Joalison Alexandre da Silva, 23 anos. Os policiais ainda conseguiram apreender com o grupo duas armas de fogo, um revólver calibre 357, um revólver calibre 38, 13 munições, quase 200 trouxas de maconha e três celulares. “Léo da Mônica é bastante violento. Tentamos prendê-los algumas vezes, mas como ele conhece saídas da comunidade escapava. Mas, agora ele está preso”, confirmou o capitão. Os presos foram levados para a Central de Flagrantes da nova Central de Polícia Civil da Capital e vão responder por associação criminosa e ao tráfico, porte de uso restrito.O grupo deverá seguir para a Penitenciária Flósculo da Nóbrega, o Presídio do Roger, em João Pessoa. 2

Um jovem de 24 anos apontado pela Polícia Civil da Paraíba como o chefe de um dos grupos criminosos mais violentos de João Pessoa foi preso na noite desse sábado (24), durante uma operação policial no bairro João Paulo II, em João Pessoa. Leonardo Alves da Silva, conhecido como ‘Mago Léo’ comandava e ordenava os crimes da comunidade Jardim Mônica, no bairro Alto do Mateus.

Segundo o delegado de homicídios de João Pessoa, Bruno Germano, desde dezembro de 2014 que o jovem era procurado pelas autoridades policiais da Capital. Leo, de acordo com o delegado, é apontado como autor de 11 homicídios.
“Cinco assassinatos já estão comprovados a autoria como sendo ele [Léo]. Outros seis ainda estão sendo investigados, mas testemunhas já atribuíram ao jovem e o grupo dele que é grande. Já estávamos monitorando o rapaz depois da morte de mãe e filha no Alto do Mateus e depois que a justiça expediu o mandado de prisão preventiva”, falou o delegado.
Leonardo Alves e outros três jovens foram localizados dentro de uma casa. A abordagem a residência foi feita pela equipe do capitão Sidney Paiva, que comanda a PM em bairros da Zona Oeste da Capital. Na residência, ainda foram presos Wesley Lohan Quirino do Nascimento, 18 anos; Edson Firmino Bernardo, 23 anos e Joalison Alexandre da Silva, 23 anos. Os policiais ainda conseguiram apreender com o grupo duas armas de fogo, um revólver calibre 357, um revólver calibre 38, 13 munições, quase 200 trouxas de maconha e três celulares.
“Léo da Mônica é bastante violento. Tentamos prendê-los algumas vezes, mas como ele conhece saídas da comunidade escapava. Mas, agora ele está preso”, confirmou o capitão.
Os presos foram levados para a Central de Flagrantes da nova Central de Polícia Civil da Capital e vão responder por associação criminosa e ao tráfico, porte de uso restrito.O grupo deverá seguir para a Penitenciária Flósculo da Nóbrega, o Presídio do Roger, em João Pessoa.

Estudantes capotam carro e morrem após saírem de vaquejada na Paraíba

Dois estudantes morreram e uma garota ficou gravemente ferida na madrugada deste domingo (25) em um acidente na cidade de Coremas, no Sertão do estado a 390 km de João Pessoa, na PB-426. O capotamento do veículo onde das vítimas estavam ocorreu após deixarem uma vaquejada.

Segundo sargento Pedro Morais, do Pelotão da Polícia Militar de Coremas, sete jovens estavam dentro de um veículo Fiat Uno. O motorista teria perdido o controle da direção e capotado o carro, que terminou caindo em um barranco.
“Os jovens que morreram foram identificados como sendo Anderson Lopes de Souto, 22 anos, Allyson Lopes. Sabemos que os dois são da mesma família. Testemunhas disseram que o motorista perdeu o controle do volante e provocou o acidente. O condutor também morreu. Dentro do veículo vinham sete pessoas, onde duas morreram, uma ficou ferida grave e outras quatro tiveram ferimentos leves”, comentou o policial.
Ainda de acordo com o sargento, a jovem grave foi levada pelo Samu para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande. O estado de saúde será divulgado nesta segunda-feira (25).

Em 1h, adolescente é morta a tiros na Integração e homem próximo a cemitério em JP

Duas pessoas foram assassinadas a tiros, na tarde desse domingo (25), em João Pessoa. Os crimes aconteceram no Terminal de Integração e na Rua Barão de Mauá, ambos no bairro do Varadouro.

Por volta das 14h, uma adolescente de 15 anos foi morta com pelo menos dois tiros. Ela estava sentada perto de um fiteiro no Terminal de Integração quando um homem se aproximou e efetuou os disparos. A jovem foi atingida na região da cabeça.
Minutos depois, na Rua Barão de Mauá, próximo ao Cemitério Boa Sentença, um homem foi assassinado a tiros. Testemunhas disseram à polícia que os disparos foram efetuados por uma dupla em um carro.
A polícia ainda não sabe se os crimes estão relacionados e até as 17h40 ninguém havia sido preso.

Grávida de 8 meses tenta entrar em presídio com serras, chips e baterias escondidas na vagina

Uma jovem de 21 anos foi pega, na manhã deste domingo (25), tentando entrar na Penitenciária Dr. Romeu Gonçalves Abrantes (PB 1), em João Pessoa, com serras, baterias e chips de celular escondidos na vagina. Ela está grávida de oito meses e é esposa de um preso que cumpre pena por tráfico de drogas, roubo e homicídio. O flagrante aconteceu por volta das 11h.

Foram apreendidos seis chips, cinco baterias e três serras. Após o flagrante, a jovem foi levada para um hospital e passou por exames que confirmaram que ela não carregava nenhum outro objeto no canal vaginal. Depois, ela foi encaminhada para a Central de Polícia, onde prestou esclarecimentos, e foi liberada.
A administração do PB 1 vai comunicar o ocorrido à Vara de Execuções Penais e processos devem ser abertos contra a jovem flagrada neste domingo. Ela deve ser proibida de visitar o marido por cerca de seis meses.
Segundo o diretor do presídio, Leandro Batista, o material estava envolto a uma luva de alta tensão. “As mulheres costumam usar luvas de alta tensão ou carbono por acreditar que eles vão impedir que o detector de metais indique um corpo estranho, mas o equipamento consegue sim identificar que existe algo diferente”, explica.
Ainda conforme Leandro Batista, esta foi a terceira grávida que tentou entrar na penitenciária com objetos escondidos nas partes íntimas em menos de uma semana. “Na quarta-feira flagramos uma com celular, na sexta-feira uma com drogas e hoje [domingo] essa com chips, baterias e serras. As grávidas aproveitam que não podem ser revistadas pelo scanner corporal, assim como as pessoas que têm marca-passo, e tentam burlar a segurança do presídio. Essa atitude está ficando cada vez mais recorrente”, lamentou o diretor do presídio.

quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Grupo é detido em protesto contra Dilma Rouseff em João Pessoa

Pelo menos cinco pessoas foram detidas pela Polícia Militar durante um protesto contra a presidente Dilma Rouseff (PT) na manhã desta terça-feira (20), na Praça da Independência, em João Pessoa. De acordo com a Polícia Militar, os manifestantes foram detidos com material que seria utilizado para perfurar um boneco inflável em alusão à presidente. Além das pessoas detidas, foram apreendidos facas, um estilete, chaves de fenda e um material suspeito de ser explosivo.
A confusão começou por volta das 11h (horário local). Segundo a PM, manifestantes estavam inflando o boneco quando um homem se aproximou com um estilete e perfurou a base do boneco. Ainda de acordo com a polícia, após isso, manifestantes que seriam a favor da presidente e manifestantes contra Dilma teriam brigado. Duas pessoas foram detidas por vias de fato e levadas até a delegacia para prestar depoimentos.

O estudante de medicina Ruan Ribeiro, que faz parte do movimento ‘Vem pra Rua’ explica que viu o momento em que o boneco foi furado. “Queremos pacificamente manifestar a nossa insatisfação político-social com o governo deste país e estão tentando destruir nosso protesto”, explica.
A secretária-geral do PT em João Pessoa, Jordania Firmino, explica que o protesto contra a presidente não deveria acontecer da forma que foi feita, uma vez que, segundo ela, o boneco inflável é um crime. “A gente está aqui a favor do estado democrático de direito. Se a Dilma tivesse sido julgada e condenada pelo crime de estelionato, fazer um boneco deste estaria tudo bem. Mas fazer um boneco da presidente, com um símbolo no peito dela chamando de estelionatária, isso é um crime de injúria”, diz

Com gol de Hulk, Zenit segue 100% na Liga dos Campeões

Se a situação do Zenit para faturar o Campeonato Russo não está simples – dez pontos separam o time, o terceiro da Premiere League russa, do líder CSKA –, a equipe de São Petesburgo segue com 100% de aproveitamento na Liga dos Campeões. A vítima desta terça-feira, em jogo válido pela terceira rodada do Grupo H, foi o Lyon, derrotado por 3 a 1, no Estádio Petrovskiy. Hulk, com um golaço e participação decisiva no terceiro, foi o destaque do jogo.
Com o novo triunfo na Champions, o Zenit chegou aos nove pontos e manteve a liderança isolada da chave. Agora, o time de Hulk, Danny & Cia. visitará o Lyon na próxima rodada. O jogo será em 4 de novembro, no Stade de Gerland. Lyon, que teve boa atuação na Rússia, mas segue com apenas um gol e em quarto lugar na chave.
Gol logo no começo do jogo com o Zenit atuando diante da sua torcida. O desejo do técnico português André Villas-Boas se concretizou logo aos três minutos. Falha da marcação do Lyon, jogada de Shatov e passe para Dzyuba, que, como bom centroavante, fez o que dele se esperava: finalizou na saída do goleiro Lopes e fez Zenit 1 a 0. Oportunidades para chegar ao segundo gol vieram. Dzyuba escorregou quando ficou em ótima condição para ampliar após passe de Hulk e o próprio brasileiro não teria sucesso em suas tradicionais finalizações com força.
O Lyon, por sua vez, conseguiu se recuperar logo após o gol, mas não conseguiu ser objetivo como o rival. O brasileiro Rafael, ex-Manchester United, foi escalado como ponta direita e não conseguiu render o esperado em um primeiro momento. A melhor chance veio com uma finalização do zagueiro Yanga-Mbiwa. Valbuena, pouco inspirado, não fez a diferença.
LYON EMPATE, MAS HULK RESOLVE PARA O ZENIT
Se faltou objetividade ao Lyon na primeira etapa, o time francês chegou ao empate logo aos dois minutos do segundo tempo. Lançamento de Valbuena, cruzamento de Jallet e finalização de letra de Lacazette, o artilheiro do último Campeonato Francês. Um belo gol em São Petesburgo. Prenúncio da virada do Lyon? Nada disso. A equipe francesa seguiu melhor, mas quem marcou foi o Zenit. O Zenit de Hulk. Um dos artilheiros do Campeonato Russo com seis gols, ele chamou a responsabilidade para si e, ao seu melhor estilo, finalizou de fora da área sem chance para Lopes, aos 11. Golaço. Terceiro dele na Liga.
Ao mesmo tempo em que o Zenit desperdiçava chances com o grandalhão Dzyuba, que seria substituído após levar Villas-Boas à loucura, o Lyon foi ganhando campo e pressionando o time da casa. Oportunidades de empate surgiram com Lacazzete e Umiti, mas faltou capacidade de finalização. E o Lyon pagaria caro por isso. O Zenit trabalhava por um contra-ataque. E ele veio aos 37. Jogada iniciada por Hulk, passe de Shatov e finalização de Danny. O Lyon, apesar de ter tido boa atuação, não foi objetivo. E não tinha Hulk em seu time.
Derrotado pelo Zenit na primeira rodada, o Valencia segue firme na vice-liderança da chave, agora com seis pontos. Sem a facilidade esperada, o time espanhol derrotou o Gent, da Bélgica, por 2 a 1, atuando diante do seu torcedor, no Mestella.
O argelino Feghouli abriu o placar aos 15 minutos de jogo, mas o time belga chegou ao empate com Foket, aos 40. Mina tentou, com uma bicicleta interceptar o cruzamento, mas não teve sucesso. O gol do triunfo veio aos 27 do segundo tempo. E foi contra, marcado por Mitrović. O Gent segue com apenas um ponto e em terceiro no Grupo H.
Lance

Estela Bezerra garante nome de João Azevedo como pré-candidato a prefeitura de João Pessoa 20/10/2015 | 16h01min

A deputada Estela Bezerra, (PSB), disse, nesta terça-feira (20), em entrevista ao Programa Rádio Verdade do Sistema Arapuan de Comunicação que João Azevedo é mesmo  o candidato a Prefeitura de João pelo PSB. “Em reuniões internas dentro partido o nome que está sendo posto é o de João e eu tenho dito que o PSB precisa ter candidatura própria e que isso não é um anseio só nosso mas de todos aqueles que querem ver João administrada nos moldes de como Ricardo Coutinho administrou e as pesquisas mostraram isso”, justificou.
De acordo com ela a conjunta aponta para uma candidatura própria e o nome de João Azevedo já vinha sendo colocado como candidato. “Esse caso já está pacificado, faltando apenas ser consolidado e João Pessoa precisa de uma administração melhor", destacou.
Ela disse que falta de unidade não existirá no partido, mas uma coesão em torno de uma candidatura e de um nome. “Essa prática de fazer política pensando na coletividade é difícil da gente encontrar no campo político”, afirmou ao destacar que defende um projeto político do qual e ela tem uma adesão inteira e o que eu quero ver é João Pessoa na direção de uma cidade que terá um milhão de habitantes dentro de pouco tempo e que não pensa de forma estruturante, nem no presente e nem no futuro”, finalizou a deputada.

Dupla da PB é suspeita de roubar cargas no NE e caminhão de uísque avaliado em R$ 1 mi

Dois homens de 39 e 42 anos, foram presos nessa segunda (19), em Pernambuco, por meio de trabalhos conjuntos entre a polícia daquele e estado e da Paraíba, suspeitos de chefiar uma quadrilha especializada em roubo de cargas no Nordeste.

O delegado da Polícia Civil da Paraíba, Nélio Carneiro, disse que as investigações começaram depois do roubo de uma carga de uísque, avaliada em R$ 1 milhão, que ocorreu em abril deste ano. “Logo que houve o crime, a delegacia, por meio das investigações, identificou que existiam duas frentes na atuação criminosa: os que eram responsáveis pelo assalto e pela receptação do produto roubado. Sendo assim, levantamos que Cláudio e o José Alves estariam responsáveis por armazenar a carga de uísque no galpão em Cabedelo”, disse o delegado.

Apesar das prisões, a polícia adiantou que a apuração vai seguir e outras pessoas poderão ser presas. “As investigações continuam, já que só prendemos uma parte da quadrilha. Existem outros envolvidos e que já foram identificados”, disse o delegado adjunto Luiz Eduardo.

Segundo ele, esses presos vão responder por associação criminosa, receptação de carga roubada e, após serem ouvidos, ficarão à disposição da Justiça.

Alternativo sofre sequestro e é obrigado a transportar droga e 'participar' de assaltos na PB

Um motorista que faz transporte alternativo foi vítima de um sequestro-relâmpago no fim da tarde desta terça-feira (20), nas imediações do Terminal de Integração de João Pessoa. A vítima foi solta depois de ser obrigada a deixar drogas no Litoral Norte e participar, indiretamente, de dois assaltos. O motorista foi encontrado no porta-mala do automóvel. O caso foi registrado na Delegacia de Mamanguape na noite desta terça.

Segundo o capitão Alberto Filho, comandante da Polícia Militar do Litoral Norte, três jovens abordaram o motorista no centro de João Pessoa e entraram no veículo. “Os homens obrigaram o alternativo a dirigir até a cidade de Baia da Traíção onde deixaram drogas. Quando retornaram, praticaram dois assaltos já na cidade de Rio Tinto, onde as vítimas comunicaram o caso à PM”, disse.
Após a denúncia, a Polícia Militar montou o cerco e conseguiu prender os suspeitos na saída da cidade de Mamanguape, já no trecho que segue para João Pessoa. “Interceptamos o veículo e prendemos os rapazes, onde dois são de Cabedelo e um da Baia da Traição. O motorista foi achado dentro do veículo. Também encontramos a droga deixada pelos suspeitos na Baia da Traição. Uma arma foi apreendida”, revelou o capitão.

Homem que trabalhava como segurança e vigilante de escola é morto em João Pessoa

O vigilante de uma escola municipal de 34 anos foi assassinado na noite desta terça-feira (20), na comunidade Riachinho, no bairro Treze de Maio, em João Pessoa. A vítima foi identificada como sendo Everaldo Rogério Cavalcante.

Segundo o delegado Canrrobert Rodrigues, plantonista da Delegacia de Homicídios da Capital, o homem foi encontrado morto no terraço da casa dele com marcas de tiros no corpo.
“Vizinhos disseram que ouviram tiros cedo da noite e acionaram a PM. Os policiais estiveram na comunidade, mas não encontraram nenhuma anormalidade. Quando parentes da vítima entraram no imóvel – que fica nos fundos de uma casa – encontraram Everaldo Rodrigues já sem vida”, confirmou o delegado.
A autoridade de policial disse ainda que a vítima também trabalhava como segurança em eventos particulares. A motivação do crime ainda é desconhecida assim como a autoria. O corpo foi levado para a Gemol de João Pessoa.

Caminhão-caçamba do PAC é usado na coleta do lixo em cidade do litoral da Paraíba; veja vídeo

Um morador do município de Baia da Traição, um dos endereços mais procurados do litoral paraibano, a 92 km de João Pessoa, flagrou um caminhão-caçamba transportando lixo na área urbana local. A prefeitura tratou o desvio de função como ‘um caso pontual’. Veja vídeo abaixo

No vídeo feito através de um celular é possível constatar que o veículo auxilia a coleta de lixo do município. Nas imagens, os garis recolhem os lixos descartados das residências e colocam no caminhão doado a Prefeitura Municipal da Baia da Traição, por meio do Programa de Aceleração do Crescimento-PAC.
Ao Portal Correio, o assessor administrativo do gabinete do prefeito, Eliabe Félix, tratou o caso como ‘pontual’ e disse que o caminhão foi utilizado na coleta do lixo devido o aumento da demanda e a problemas mecânicos ocorridos nos dois veículos que fazem o recolhimento do material. Ele disse ainda que a coleta já foi normalizada.
O delegado federal do Desenvolvimento Agrário na Paraíba, Gonzaga Júnior, adiantou que fará uma diligência no município nos próximos dias para apurar o desvio de finalidade do veículo do PAC apresentado pela reportagem. Ele avisou que constado o uso ilegal, além de aplicação de sanções ao prefeito responsável, pode resultar na revogação da doação e retomada do veiculo para a União.
“As máquinas do PAC são de uso exclusivo da zona rural e não urbana. Esses veículos devem ser utilizados no apoio da agricultura familiar do campo. A partir da divulgação da reportagem, vamos fazer uma diligência no município para constatar o uso ilegal o veículo. Entretanto, o vídeo divulgado na publicação já comprova o crime praticado pela prefeitura”, confirmou o delegado Gonzaga Júnior.
Confira vídeo:

Casal de jovens é morto dentro de casa na frente da filha de 4 anos na Paraíba

Um casal de jovens foi assassinado dentro de casa na noite desta terça-feira (20), na cidade de Mamanguape, a 62 km de João Pessoa. O crime foi presenciado pela filha das vítimas, uma criança de 4 anos de idade. O duplo homicídio ocorreu no bairro Pissarreira. A motivação do crime ainda é desconhecida.

Segundo a Polícia Militar, a dona de casa Iraneide Rodrigues dos Santos e o servente de pedreiro Erick Davi Diniz, 24 anos, estavam em casa na companhia da filha quando dois homens invadiram o local e efetuaram diversos tiros.
Ainda de acordo com a PM, após os tiros, os vizinhos foram averiguar o que teria acontecido dentro do imóvel e encontram o casal morto no chão da casa. A criança estava em estado de choque e foi resgatada do local e entregue a parentes.
O caso foi registrado pela delegacia local. Os suspeitos fugiram em uma motocicleta. Os corpos foram removidos para a Gerência Executiva de Medicina e Odontologia Legal (Gemol), no bairro do Cristo Redentor, na Capital.

terça-feira, 20 de outubro de 2015

Dr. Charles Pereira poderá ser o candidato a prefeito pelo PT

Dr. Charles Pereira poderá ser o candidato a prefeito de Conde pelo PT segundo informações.
Essa será a segunda opção do partido caso o padre Severino Melo não se filie ao Partido,  Dr. Charles será o candidato a concorrer a cadeira mais concorrida do litoral sul. O mesmo disputará com fortes candidatos. Em 2016 a concorrência  será grande pois além da gestora atual Tatiana, o ex-prefeito Aluísio Régis, Os empresários Edinho e Junior Rodrigues, Sandra Ribeiro entre outros, Charles entrará na disputa se caso o padre Severino não vier. O sistema J.A ficará a disposição da população caso queiram efetuar perguntas aos futuros candidatos. Matéria de Ana Gomes p/ o programa Noticias em Debates da Rádio J.A

Genival Matias se licencia do mandato por 121 dias sem vencimentos


O deputado Genival Matias confirmou, nesta terça-feira (20), que vai tirar licença de 121 dias do cargo, sem vencimento, na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), para tratar de assuntos particulares e ampliar as bases do Partido Trabalhista do Brasil (PTdoB) em todo o Estado.
 
A licença do deputado Genival Matias será protocolada ainda hoje, e quem assumirá a vaga é o suplente Emano Santos (PTN), filho do vereador de João Pessoa, João dos Santos, e que obteve 12.485 votos. A posse de Emano ocorrerá nesta quinta-feira (22), às 10h, no Plenário José Mariz, durante a sessão ordinária.
 
O presidente estadual do PTdoB, Genival Matias, se dedicará à organização da legenda na Paraíba e principalmente nos municípios onde o partido apresenta condições reais de vencer nas eleições do ano que vem.
 
“Será uma licença de quatro meses, sem recebimento de vencimentos, onde pretendo tratar de assuntos particulares e, em seguida, reforçar a criação de diretórios do nosso partido em várias cidades da Paraíba. Pretendo viajar todo o Estado para visitar nossas bases”, destacou Genival Matias.

Sem salário, servidores de Massaranduba vão às ruas protestar

Após mais de 30 dias em greve, servidores municipais da cidade de Massaranduba realizaram assembleia seguindo de um movimento de rua na manhã desta quarta-feira(21), a partir das 9h. Eles reivindicam pagamento dos salários que estão atrasados, há casos de trabalhadores que não recebem desde o mês de Agosto.
As atividades se iniciam com assembleia na sede do Sindicato Rural da cidade e segue em caminhada pelas principais ruas e se concentrará na Prefeitura Municipal de Massaranduba a partir das 10H. Encontram-se em greve, os servidores da saúde, educação e administração, desde o dia 15 de Setembro, pelo atraso nos salários e ainda tiveram descontos pelo tempo que estão com as atividades paralisadas, desconto este, considerado ilegal pelo departamento jurídico do SINTAB, pois não houve nenhuma decisão judicial proibindo a greve.
O sindicato constatou ainda que não há motivos para o não pagamento dos servidores, já que há um crédito na conta do município de R$ 481 mil, para pagamento dos servidores da educação, enquanto a folha tem o valor de R$ 360 mil. Devido a todos esses desmandos no município, os servidores permanecem em greve por tempo indeterminado até que o problema seja resolvidos.
No movimento realizado no último dia 14, um dos secretários do município ainda tentou agredir membros do sindicato que discursavam para os trabalhadores em frente a prefeitura na tentativa de inibir os manifestantes, porém o ato só gerou ainda mais revolta dos que estavam presentes.

Vereador de João Pessoa quer proibir circulação de carroças na Zona Urbana

O Projeto de Lei que proíbe o trânsito de veículos de tração animal (carroças) na Zona Urbana de João Pessoa, de autoria do vereador Bruno Farias (PPS), foi aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), nessa segunda-feira (19), e segue para apreciação em plenário. A medida se aplica a 80% de todo território pessoense. Lei Municipal estabelece que a Zona Rural da Capital é de 42,8 KM2.
Com a justificativa de melhorar o trânsito, diminuir o risco de acidentes e o perigo que representa um animal, o Projeto de Lei proíbe a condução de animais com carga e o trânsito em todas as ruas asfaltadas, calçadas, na orla, por fim, em toda área urbana e disciplina a circulação das carroças na Zona Rural de João Pessoa, o que representa pouco mais de 20% da área  territorial total do Município.
Na matéria, Bruno Farias determina ainda que o "emprego de veículos de tração animal o seu uso será condicionado a alvará municipal", além de obrigar que seja feito o registro do veículo e do animal no órgão municipal competente, assim como as horas de trabalho do animal, que seria das 9 às 12h e das 13 às 18h horas, finado proibido o trabalho noturno e aos domingos.
Legalidade
A Ordem dos Advogados do Brasil - Paraíba (OAB-PB) destacou que o Código de Trânsito Brasileiro não veda a circulação de veículos de tração animal, trazendo, inclusive, a forma de condução de tais veículos (art. 52). Mas que, por outro lado, O Código estabelece competências para os Municípios no que concerne ao registro, autorização, licenciamento, fiscalização e autuação desses veículos.
Para o presidente da Comissão de Acesso à Justiça da OAB-PB, Daniel Veiga Pessoa,  o Projeto de Lei apresentado pelo vereador Bruno Farias veda o tráfego de veículos de tração animal em vias calçadas e asfaltadas de João Pessoa, o que não gera violação legal. O representante da OAB-PB disse não se pode é coibir a utilização de veículos de tração animal em todo o Município, o que se mostraria desarrazoada e afrontaria competência da União, prevista no Art. 22, XI da Constituição. Daniel Veiga Pessoa destacou que "é preciso analisar e implementar políticas públicas que salvaguardem, por exemplo, os profissionais que se utilizam desse meio de transporte para locomoção ou provisão da subsistência".

Energia é cortada em prefeitura no sertão da PB por falta de pagamento

A sede da prefeitura, o terminal rodoviário e o mercado público de Sousa, no Sertão paraibano, tiveram a energia elétrica cortada no final da tarde da segunda-feira (19). De acordo com a administração municipal, o corte aconteceu por falta de pagamento de uma dívida de R$ 12 milhões.
O secretário municipal de Finanças, Jorge Luiz Gomes, confirma o atraso no pagamento da dívida, mas diz que as contas de energia elétrica dos três prédios estão em dia. O débito seria da iluminação pública, já que a Sousa é a única cidade paraibana que não cobra contribuição da população, segundo ele.
"Realmente há um parcelamento e atraso de pagamento na dívida da iluminação pública, mas não vi motivos para o corte porque a energia da sede e de todos os prédios próprios estão quitados", afirmou.
Já a Energisa informou em nota que o corte "foi motivado pelo não pagamento das contas de consumo referentes ao mês de agosto/2015" dos três prédios. "Quanto aos débitos relativos à iluminação pública, estão em aberto as faturas de agosto e setembro de 2015", detalha. A empresa também diz que "sempre esteve à disposição para a negociação e que, por diversas vezes, procurou representantes da administração municipal na tentativa de evitar a suspensão do fornecimento".
Por volta das 11h, a Energisa informou que a Prefeitura de Sousa tinha negociado o pagamento das faturas em aberto e a energia de ser restabelecido no prazo de 24 horas.

Ser ou não ser? Eis o drama vivido por Romero Rodrigues, que poderá ser abduzido pelo Gupo Cunha Lima

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, põe em risco a sobrevivência política do Grupo Cunha Lima por ser um ponto de interrogação e ninguém querer apostar em sua reeleição.
A fragilidade de sua candidatura preocupa Cássio e aliados. E muito. Se Romero perder para Veneziano, onde Cássio vai abrigar seu exército?
Só que, entre isso e tramarem para que seja levado à convenção do PSDB como peru de festa, vai uma longa distância.
Não se iludam. Quando circularam a notícia de que Ronaldinho poderia perder espaço na chapa, na verdade estavam preparando o terreno para mexer na chapa inteira.
Tirar Ronaldinho com o argumento de que a chapa não pode ser puro sangue é jogo de cena para o ato seguinte: rifar Romero.
Se crescer nas pesquisas se viabiliza, se continuar em queda, bye. Só não definiram ainda a engenharia para abduzi-lo sem traumas.

PMDB adia reunião que pode discutir saída do governo

O vice-presidente nacional do PMDB, senador Valdir Raupp (RO), afirmou nesta terça-feira (20) ao G1 que o partido decidiu adiar para março de 2016 o congresso nacional extraordinário que faria em novembro deste ano para, entre outros assuntos, discutir o eventual rompimento com o governo Dilma Rousseff. A direção peemedebista aproveitará a convenção nacional da legenda, agendada para março, para tratar do fim da aliança com o PT.
O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), tem defendido o fim da aliança com o PT desde que rompeu oficialmente com o Palácio do Planalto, em julho deste ano. Desde então, ele passou a defender abertamente que o PMDB desembarque da gestão petista, entregando os ministérios que comanda atualmente.
Segundo o G1 apurou, caciques do PMDB – incluindo o vice-presidente Michel Temer – avaliaram que, se mantivessem o congresso extraordinário para o dia 15 de novembro, o partido poderia estimular as manifestações de rua contra o governo marcadas para a mesma data.
Inicialmente, o encontro para tratar da eventual saída do governo estava marcado para agosto, porém, foi transferido para novembro. Na época em que a direção confirmou o primeiro adiamento da reunião, Cunha já havia criticado a cúpula peemedebista, afirmando que o PMDB “empurra com a barriga” a decisão sobre romper com PT.
Segundo Raupp, em vez do congresso extraordinário, o partido vai realizar em novembro apenas um seminário promovido pela Fundação Ulysses Guimarães, ligada ao PMDB. O vice-presidente da legenda justificou o adiamento do encontro a dificuldades logísticas para organizar o evento que deve reunir até 5 mil peemebedebistas.
“Não vai ter mais o encontro deste ano, apenas um seminário da Fundação Ulysses Guimarães. A informação que tive é que não está fácil organizar o encontro [extraordinário do PMDB], até porque tem de juntar de 4 mil a 5 mil pessoas. Eu já fui presidente do PMDB e, realmente, não é fácil organizar encontro assim, tem de ter dedicação”, alegou Raupp.
“Até preocupado com a questão do quórum, o partido preferiu transformar o encontro de novembro em um seminário da fundação e deixar para março do ano que vem o encontro nacional, no qual nós comemoraremos os 50 anos de fundação do PMDB”, acrescentou o vice-presidente do partido.
Desde o início do ano, a bancada do PMDB na Câmara – que integra oficialmente a base aliada a Dilma – tem votado de forma independente das orientações do Palácio do Planalto, comandando algumas das principais derrotas da presidente da República no Congresso Nacional.
Para tentar evitar que o distanciamento do PMDB com o governo aumentasse, Dilma entregou na última reforma ministerial o comando do Ministério da Saúde – dono de um dos maiores orçamentos da Esplanada dos Ministérios – à bancada peemedebista da Câmara. Além disso, a petista aumentou o espaço do partido no primeiro escalão de seis para sete pastas.
Apesar das pressões de Eduardo Cunha para que o PMDB desembarque no governo Dilma, o vice-presidente da legenda minimizou o movimento interno que defende o rompimento oficial. Para Raupp – que integra a bancada do partido no Senado – as divergências internas não são novidade na sigla governista.
“O PMDB sempre faz isso nos encontros, deixa todo mundo discursar e, naturalmente, alguns explicitam as divergências com o governo. Aliás, sempre teve divergências entre os que apoiam e os que não apoiam o governo, mas isso não é novidade – na convenção do ano passado isso pode ser vito, esta divisão. Portanto, vamos deixar para março do ano que vem o encontro do partido e nele vamos debater os rumos do PMDB”, concluiu.
Decisão ‘acertada’
Ao G1, o líder do PMDB na Câmara, deputado Leonardo Picciani (RJ), considerou que a decisão do partido de adiar para março do ano que vem o encontro que trataria da eventual saída do governo foi “acertada”. Na visão dele, o ambiente correto para tomar decisões é a convenção nacional.
“Acho que foi uma decisão acertada porque a convenção é que tem poderes de tomar decisões e é onde pode-se fazer um debate com mais efetividade. No congresso [de novembro], os participantes não teriam esta possibilidade, seriam somente discussões, sem decisões”, argumentou.
Para o líder do PMDB, o adiamento não pode ser considerado como uma forma de o governo “ganhar tempo” para se aproximar da legenda. Na avaliação dele, desde que a reforma ministerial foi implementada, já há esse tipo de aproximação entre o Planalto e o PMDB.
“Eu acho que o PMDB já vem se aproximando do governo, até porque faz parte do governo na medida em que comanda a Vice-Presidência, tem vários ministérios e compõe a base aliada no Congresso Nacional. É dessa forma que eu vejo hoje a relação do PMDB com o governo”, acrescentou.
G1

Sem CPMF, relator do Orçamento defende corte ‘sem dó’ do Bolsa Família

Criado em 2004 pelo governo Lula a partir da junção de uma série de programas sociais, o Bolsa Família entrou na mira do deputado Ricardo Barros (PP-PR), relator-geral do Orçamento de 2016. O deputado disse ao jornal O Estado de S. Paulo, Barros que não terá “dó” de cortar recursos do programa para compensar a frustração da arrecadação da nova CMPF – que, ao que tudo indica, tem poucas chances de ser aprovada pelo Congresso. Fraudes no programa permitiriam o corte, segundo o parlamentar.
Com a ameaça de corte em uma das vitrines da gestão do PT, Barros pressiona a equipe econômica para tomar uma decisão rápida em relação a medidas de aumento de impostos. Ele já avisou que não pretende incluir a nova CPMF e tem defendido enfaticamente o aumento da Cide do combustível, que não precisa de aprovação no Congresso.
Com o Bolsa Família sob pressão de cortes, a ministra do Desenvolvimento Social, Tereza Campello, defendeu os 28,8 bilhões de reais previstos no Orçamento de 2016 para o programa de transferência de renda, que completa 12 anos nesta terça-feira. Qualquer corte no programa, segundo ela, terá impacto no aumento da extrema pobreza. Segundo ela, nos últimos anos, o Bolsa Família contribuiu para retirar 36 milhões de brasileiros da extrema pobreza, sendo 8 milhões de crianças.
A ministra afirma que o “debate político” está contaminado as políticas públicas. “Não está sobrando dinheiro. Os valores presentes no Orçamento do ano que vem são muito exatos. Fizemos a conta na ponta do lápis. Não fizemos uma conta aproximada”, afirmou a ministra. Segundo ela, fiscalizações de órgãos de controle apontam que as fraudes no programa não ultrapassam 1% das 14 milhões de famílias que ganham o benefício.
De acordo com a ministra, há um cruzamento de dados que comprovam a condição vulnerável das pessoas que recebem o Bolsa Família. São checadas informações sobre trabalho, renda e até a possibilidade de o beneficiário ter morrido, afirma. “Pouco se discute o Bolsa Família, principalmente no Sul e no Sudeste, a não ser com base em preconceitos”, diz. A ministra desafiou as pessoas que afirmam conhecer “vizinho” ou “alguém” que receba o benefício sem necessidade a denunciá-lo.

Diretora da cadeia pública de Ingá é assassinada com 4 tiros na BR 230

A diretora da cadeia pública de Ingá foi assassinada na manhã desta terça-feira (20). O crime aconteceu na BR-230, próximo à entrada do município de Juarez Távora, segundo informou ao Portal o tenente Jerônimo, da Polícia Militar de Ingá.
Ainda de acordo com a PM, policiais militares da cidade e um reforço enviado de Juarez Távora foram até o local. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) também foi acionada.
As primeiras informações são de que suspeitos “trancaram” o carro da diretora e dispararam várias vezes contra ela. A mulher estava sozinha no veículo e morreu no local, baleada na cabeça. É possível, claramente, ver os sinais de disparo de arma de fogo no vidro do automóvel, que era conduzido pela diretora.
A suspeita é que tenha sido um crime de pistolagem ou dos inimigos dela do presídio ou em relação a questões ligadas a terra.




Em dois minutos, dupla assalta agência dos Correios de Sapé

A ação criminosa durou cerca de dois minutos. Tempo suficiente para que dois homens realizassem um assalto na agência dos Correios da cidade de Sapé na tarde desta terça-feira (20). Os acusados chegaram ao estabelecimento em uma moto. Armados, eles anunciaram o assalto e renderam os clientes e funcionários.
De acordo com a polícia, a dupla fugiu levando a arma e o colete do vigilante, além do dinheiro do caixa e objetos de alguns clientes.
As câmeras do circuito interno de segurança flagraram a ação. As imagens serão cedidas à Polícia Federal para que proceda as investigações.

Manifestantes bloquearam rodovias por mais de nove horas, diz PRF

As manifestações realizadas por membros do Movimento dos Sem Terra (MST) na Paraíba duraram quase 10 horas. O levantamento foi feito pela Polícia Rodoviária Federal que monitorou os trechos ocupados nesta terça-feira (20).
O tempo maior de interdição foi registrado no KM-65 da BR-230, em São Miguel de Taipu. Lá cerca de 50 manifestantes ficaram das 7h15 até às 16h40.
Já no KM-454 da BR-230, em Sousa, a manifestação ocorreu das 07h05 às 15h50, perfazendo um total de 8h45.
Os outros trechos bloqueados foram: KM-123 da BR-101 (Caaporã), KM-341 da BR-230 (Patos) e o KM-55 da BR-361 (Catingueira).
Os protestos realizados pelo Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) integram a "Primeira Jornada Nacional da Habitação Rural".

Emplacamentos de “cinquentinhas” devem ser feitos até final de 2015


Os proprietários de ciclomotores do tipo “cinquentinha” já podem fazer o emplacamento dos seus veículos com tarifas reduzidas. A portaria de nº 251/15 do Departamento Estadual de Trânsito da Paraíba (Detran-PB) estabelece aos proprietários de motocicletas adquiridas antes de 31 de julho de 2015 o prazo de até 31 de dezembro de 2015 para realizarem o registro e licenciamento. O procedimento é realizado na sede do Detran, no bairro de Mangabeira, em João Pessoa e nos postos de atendimento dos Shoppings do Automóvel e Carro Legal, na BR 230 e nas Circunscrições Regionais de Trânsito da Paraíba (Ciretrans).
 
Para isso, os proprietários devem seguir um calendário de registro por meio da numeração terminal do chassi do ciclomotor. As “cinquentinhas” com final 1, 2 e 3 deverão ser emplacadas durante este mês de outubro; já com final 4, 5 e 6 o emplacamento deve ser realizado em novembro. E no mês de dezembro, deverão ser emplacadas as motocicletas com numeração final 7, 8, 9 e 0.
 
Antes de procurar o Detran, o proprietário do veículo deve observar na nota fiscal se o ciclomotor tem cadastro na Base de Índice Nacional (BIN). Caso não tenha, ele deverá procurar a revenda correspondente e solicitar o cadastro, e se a revenda não mais estiver ativa, deverá procurar outra revenda da mesma bandeira ou fabricante.
 
Para emplacar o veículo é necessário apresentar original e cópia da nota fiscal do ciclomotor ou de documento que comprove a transferência, ou seja, cópia e original do recibo de compra e venda devidamente assinado e com firma reconhecida do RG, CPF e comprovante de residência. Se pessoa jurídica, cópia autenticada do Contrato Social e CNPJ.
 
O Detran alerta que, durante o prazo concedido e sendo respeitado o calendário estabelecido, os condutores poderão circular nas vias portando apenas a Nota Fiscal do veículo, mas, após o término do prazo para a regularização, os proprietários deste tipo de veículo que não estiverem adequados serão multados, de acordo com Código Transito Brasileiro (CTB).
 
Taxas - Lei assinada pelo governador Ricardo Coutinho (PSB), reduziu em 74,5% as tarifas para o primeiro emplacamento dos ciclomotores, redução de 49,27% para a renovação anual desses veículos e a isenção da cobrança de Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).
 
De acordo com tabela de valores estabelecida pelo Detran-PB referente ao UFR-PB do mês de outubro, o primeiro emplacamento para o ciclomotor custará R$ 42,08, a Taxa de Prevenção contra Incêndio e Salvamento será R$ 10,52 e o Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres (DPVAT) proporcional a 3/12 avos, R$ 73,00. E o custo para a aquisição da placa será de R$ 50,00. Então, o valor total do emplacamento e licenciamento custará R$ 175,60. O ciclomotor será submetido à vistoria veicular eletrônica, que tem o pagamento isento de taxas.
 
O primeiro proprietário de ciclomotor a realizar o emplacamento, Rosildo Dantas, ficou muito satisfeito com a medida. “Essa decisão é muito válida, principalmente para nossa segurança, pois inibe que pessoas utilizem esses veículos para praticarem algum ilícito”, ressaltou.
 
O superintendente do Detran-PB, Aristeu Chaves, disse que a regulamentação dos ciclomotores cria uma segurança para o usuário e distingue aquele que é correto no trânsito daquele que é indisciplinado. “Essa regulamentação é um ganho para a população como um todo. Afinal, para ser cidadão é necessário se ter conhecimento, direitos e deveres e nesse caso a regulamentação das cinquentinhas será feita dentro de um preço justo e diferenciado”, afirmou.
 
Aristeu ressaltou ainda que, o Governo do Estado está oferecendo as melhores condições para que essa regulamentação seja feita de maneira adequada. “O Estado está dando os incentivos, isenções e os descontos para que o custo da regulamentação do emplacamento das cinquentinhas caiba no bolso do trabalhador”, comentou.

Índia é presa suspeita de matar enteado com golpes de canivete e enxada no Litoral Norte

Uma índia de uma aldeia de Marcação (Litoral Norte do estado, a 66 km de João Pessoa) foi presa, nessa segunda-feira (19), suspeita de matar o enteado com golpes de canivete e enxada. De acordo com o capitão Alberto Filho, o crime aconteceu na noite do domingo (18) e a suspeita, de 54 anos, contou com ajuda do filho e da nora, de 20 anos.

Ainda conforme o policial militar, a família trabalha com a captura e venda de crustáceos e o crime teria acontecido após uma discussão envolvendo a quantidade de carne de siri que ficaria para cada pessoa. “Eles começaram a brigar e então a índia, junto com o filho e a esposa dele, agrediram o enteado com golpes de canivete e enxada. O rapaz chegou a ser socorrido para um hospital, mas acabou não resistindo aos ferimentos”, explicou o capitão Alberto Filho.
Apesar de o crime ter ocorrido no domingo, a polícia só foi informada do ocorrido nessa segunda-feira. “A índia disse ao pessoa da aldeia que a briga tinha sido só entre o filho e o enteado e que não queria chamar a polícia. Mas depois de saber da morte da vítima, os outros índios da aldeia me telefonaram e contaram o que houve”, completou o policial.
Quatro viaturas da Polícia Militar foram enviadas até a aldeia para apurar a ocorrência. Na frente das duas suspeitas, vizinhos afirmaram que elas também tinham participado do crime e as mulheres acabaram confessando, segundo o capitão Alberto Filho.
As duas mulheres foram presas e levadas para a delegacia de Rio Tinto. Já o terceiro suspeito, que também é índio, permanecia foragido até a manhã desta terça-feira (20).

Diretora da cadeia pública de Ingá é encontrada morta dentro de carro na BR-230

A diretora da cadeia pública de Ingá (Agreste do estado, a 55 km de João Pessoa) foi encontrada morta, na manhã desta terça-feira (20). Ela dirigia um carro na BR-230, em Ingá, quando foi atingida por pelo menos quatro tiros.

De acordo com o soldado P. Santos, da Polícia Militar de Ingá, o crime aconteceu por volta das 7h. A vítima foi encontrada por pessoas que passavam pela rodovia. A polícia e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram acionados, mas a diretora da cadeia não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local.
Até as 8h, a polícia ainda não tinha suspeitos do crime. O caso já foi entregue à Polícia Civil, que vai investigar a autoria e motivações do homicídio.

Religiosos dizem que é "desrespeito" chamar suspeito de matar criança de pai de santo

Na terça-feira (13) um crime bárbaro ocorrido no interior do estado chocou os paraibanos e ganhou destaque nacional. Um menino de cinco anos foi assassinado, teve o corpo aberto e órgãos cortados em pedaços em um ritual de magia negra, no município de Sumé (Cariri paraibano, a 264 km de João Pessoa). Segundo a polícia, a mãe e o padrasto da criança participaram do ritual, que teria sido conduzido por um suposto pai de santo. Uma semana após o crime, o ouviu representantes do candomblé e eles foram taxativos: o suspeito não pode ser considerado membro de nenhuma religião de matriz africana.
Leia mais Notícias no Portal Correio
“Nenhuma religião de matriz africana faz esse tipo de ritual. Nós cultuamos o respeito à natureza. Somos conhecidos como pais e mães de santo, mas na verdade somos zeladores. Então, como poderíamos fazer mal àqueles que nos procuram? Àqueles que devemos zelar? É inaceitável e desrespeitoso que esse homem
seja considerado da nossa religião. Ele não é. Ele não nos representa de forma alguma”, defende a iyalorixá Tuca.
A opinião também é compartilhada pelo babalorixá Gilberto. Ele é sacerdote há mais de 30 anos e um dos organizadores da festa de Yemanjá, o evento candomblé de maior tradição em João Pessoa.
“Posso garantir que não existe sacrifício humano dentro do candomblé. Desconheço essa prática e esse homem não pode ser chamado de pai de santo. O candomblé não realiza rituais visando o mal das pessoas”, garante o líder religioso.
O babalorixá Léo também não concorda que o suspeito e o fato tenham relação com religiões africanas. “O comportamento do suspeito mostra que ele não tem nenhum conhecimento sobre orixás e cultura africana, não tem cultura religiosa. Uma pessoa que faz isso contra uma criança não tem alma, cultura e espiritualidade. Não tenho nem palavras para classificar uma pessoa dessa”.
Umbanda
Segundo o babalorixá Léo e a iyalorixá Tuca, o ritual macabro que vitimou a criança em Sumé também não pode ser confundido com práticas da umbanda. De acordo com os líderes religiosos, a umbanda é uma religião "ainda mais pura que o candomblé" e jamais permitiria qualquer tipo de agressão contra seres humanos.
Preconceito
Os três representantes do candomblé ouvidos pelo Portal Correio consideram que a forma como o caso foi tratado contribui para o preconceito contra adeptos de religiões de matriz africana.
Eles destacam que a maioria das pessoas têm pouco conhecimento sobre o candomblé e a umbanda e acabam acreditando em mitos que envolvem essas religiões.

Juiz cassa direitos políticos de ex-prefeito de Cajazeiras


Ex-prefeito Carlos Antônio Araújo de OliveiraO juiz Marcelo Sampaio Pimentel Rocha, da 8ª Vara Federal julgou procedente ação de improbidade administrativa contra o ex-prefeito de Cajazeiras Carlos Antônio, por desvio de recursos públicos.
O ex-gestor foi condenado a ter os direitos políticos suspensos por cinco anos e está proibido de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, pelo mesmo período.

A ação foi proposta pelo Ministério Público Federal, que acusou o ex-prefeito de ter desviado dinheiro de um convênio firmado com a Embratur e o município de Cajazeiras em 2001, para a execução de obras de urbanização do Açude Grande, no município.
Segundo laudo da Polícia Federal, houve superfaturamento nos preços pactuados e pagamentos por quantidade de serviços maiores que os executados. De acordo com o documento o desvio foi de R$ 45.268,41.

A defesa de Carlos Antônio negou as das acusações e afirmou que existiu ato de improbidade, dano ao erário e de conduta ilícita.
Apesar da defesa, a Justiça Federal decidiu condenar o ex-prefeito. “O ex-gestor afrontou a Constituição quando efetuou contratação sem a necessária licitação, em conluio com a empreiteira executora e seu sócio-gerente”, diz trecho da decisão.
Com Portal Correio