quinta-feira, 22 de novembro de 2012

PM Ambiental captura jacaré, jabuti e cobra nesta quinta-feira na Paraíba


Durante um período de cerca de quatro horas a Polícia Militar Ambiental capturou um jacaré, um jabuti e ainda uma cobra na região metropolitana de João Pessoa na manhã desta quinta-feira (22). As capturas ocorreram nos municípios de Lucena, Santa Rita e Cabedelo.O sargento Waldir Pereira, da PM Ambiental, explicou que a primeira captura aconteceu por volta das 7h em Lucena. Segundo o sargento, moradores da região entraram em contato com a polícia para informar que um jacaré estava “passeando” por ruas da cidade. Após capturar o animal, de quase 2 metros de comprimento, a PM foi resgatar um jabuti no bairro Tibiri em Santa Rita.O sargento explicou que os proprietários do animal resolveram entregá-lo para PM, pois ele não tinha a licença do Ibama. Já na comunidade Renascer IV em Cabedelo, uma cobra da espécie Boipeva, que não é venenosa, foi capturada. Os animais foram encaminhados para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas).

Governo vai parcelar ICMS da campanha Natal Surpresa

Governo vai parcelar ICMS da campanha Natal Surpresa

As empresas de varejo da capital que aderirem à campanha ‘Natal Surpresa’ poderão parcelar, antecipamente, o Imposto sobre Circulação de Mercadoria e Serviços  (ICMS). O parcelamento será estendido também para as vendas realizadas durante todo o mês de novembro e não apenas a partir do dia 19 (última segunda-feira), data em que foi iniciada a campanha. O decreto 33.484, que garante o parcelamento em duas vezes do tributo, foi publicado pelo Diário Oficial do Estado (DOE).
Segundo o secretário de Estado da Receita, Marialvo Laureano, as regras do parcelamento para o varejo de João Pessoa, em novembro, seguem o mesmo modelo do que acontecerá no mês de dezembro com todo o comércio paraibano.
“Para os lojistas da capital que aderirem à campanha, o pagamento da primeira parcela de novembro será realizado mediante a média recolhida do ICMS pela empresa nos meses de agosto, setembro e outubro de 2012. Se a média de recolhimento, por exemplo, dos três meses anteriores (setembro, outubro e dezembro) ficou em R$ 10 mil, este valor será a parcela mínima paga em janeiro. Se em novembro o ICMS recolhido chegou a R$ 15 mil, o estabelecimento pagará R$ 10 mil no dia 15 de dezembro e o saldo remanescente (R$ 5 mil) será recolhido no dia 15 de janeiro, junto com o recolhimento do tributo referente ao mês anterior. A divisão sempre levará em consideração essa média no ato do pagamento da primeira parcela”, explicou Marialvo.
Campanha - O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de João Pessoa (CDL-JP), Eronaldo Maia, disse que o parcelamento será importante para o varejo aderir à campanha ‘Natal Surpresa’ promovida pela entidade, que começou na última segunda-feira (19). “Ao atender à solicitação dos lojistas da capital, o Governo do Estado mostra que tem sido um parceiro do setor”, comentou.

Acidente: Ambulância e pálio se chocam e três ficam ferido

Um acidente envolvendo uma ambulância da cidade de catolé do Rocha pertencente à Secretaria de Saúde do Estado, placas OFA - 7379-PB e um pálio de cor branco, placas MNC - 0078 - João Pessoa, por pouco não causou uma tragédia.

O acidente aconteceu por volta das 10h30 dessa segunda-feira (19) na BR-230, Km 341 nas proximidades da CONAB. Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal o motorista do Pálio José Veras de Sousa 74 anos de idade, teria provocado o acidente ao fazer uma conversão irregular.

Ele tentou cruzar a pista para ter acesso a CONAB e a ambulância que viajava em sentido contrário colidiu violentamente no Pálio. Com o impacto, que poderia ter sido bem maior, o motorista da ambulância perdeu o controle do veículo que acabou tombando.

Com o motorista, 3 (três) pessoas viajavam na ambulância. Foram socorridas com escoriações para o HRP (Hospital Regional de Patos), Francisco Celso da Silva Sousa, 17 anos que vinha a Patos se tratar de uma lesão na mão provocada por um acidente de moto ontem (domingo) em Catolé; Maria Vieira de Lima 63 anos (tinha consulta marcada com um médico ortopedista) A mãe da primeira vítima, que não teve a identificação revelada, e finalmente o motorista Edmundo Evangelista de Paiva que não teve nenhum ferimento causado no acidente.

Já no pálio viajavam José Veras de Sousa 74 anos de idade (condutor do veículo) e Antônio Loureiro Lopes. Ambos saíram ilesos do acidente. Um policial da PRF que esteve no local, fez o teste do Bafômetro nos dois motoristas e nenhum apresentou sinais de bebida alcoólica.

Violência que gera violência: Pai da menina que esfaqueou uma criança leva tiros

pai da menina de 11 anos que esfaqueou uma criança de 4 anos durante a noite da última segunda-feira (19), sofreu uma tentativa de homicídio na manhã desta quarta-feira (21). Jefferson Mendes dormia em casa com a filha de seis anos e com a sogra, quando dois homens invadiram a residência e atiraram contra ele.
Jefferson foi atingido na região do tórax. Ferido, ele saiu de casa e caiu em uma praça na frente do Condomínio Esperança, conhecido como 'Gadain', no bairro do Padre Zé, em João Pessoa. Moradores socorreram Jefferson para o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, na Capital, onde passa por procedimentos cirúrgicos.
  A polícia investiga se o crime tem relação com o ato praticado pela filha de 11 anos contra o garoto de quatro anos, ou se ele foi vítima de acerto de contas proveniente do tráfico de drogas, já que vinha recebendo ameaças há alguns dias.
  A Polícia Militar também informou que Jefferson Mendes já foi preso há cerca de dois meses acusado de porte ilegal de armas.
  Crime infantil
  Segundo boletim do Hospital de Emergência e Trauma, divulgado às 11h desta quarta-feira, o menino de quatro anos atingido por uma facada continua internado em estado grave. Ele foi esfaqueado enquanto dormia num quarto, no Condomínio Esperança, no bairro Padre Zé, em João Pessoa.
O crime ocorreu no início da noite da última segunda-feira (19) e foi praticado por uma menina de 11 anos. De acordo com o sargento Guimarães, da Unidade de Polícia Solidária (UPS) do bairro do Roger, no local estava sendo realizada uma festa.
"As pessoas que estavam no local disseram que uma criança de 11 anos de idade, que é amiga do menor e participava da festa, disse que ia na cozinha pegar um prato. Mas, a menina se armou com uma faca e foi em direção ao quarto onde o menino dormia e desferiu um golpe de faca do abdômen da vítima”, revelou o sargento.
A vítima foi encaminhada para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa onde passou por cirurgia e continua internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da unidade hospitalar, em estado grave.
  Durante investigação no local, moradores disseram que a criança que praticou o crime costumeiramente presencia briga entre os pais. A mãe da menina chegou a confessar que esfaqueou o pai dela há três semanas. A menor foi encaminhada para a Delegacia do Menor Infrator, mas foi liberada porque tem menos de 12 anos.

Sueca vivia romance com esqueleto de gente morta

Uma mulher suéca de 37 anos foi acusada pela polícia de Gotemburgo, na Suécia, de manter ossos e crânios de humanos em seu apartamento para atos sexuais. A polícia encontrou no apartamento seis crânios, uma espinha e vários outros ossos.
Segundo as informações das autoridades, ela pode ser presa por perturbar a paz dos mortos. O julgamento acontece na próxima semana, e a pena é de dois anos de cadeia.
Foram apreendidas fotos da mulher envolvida em atividades sexuais com o esqueleto. Ela contou que comprou os ossos em diferentes partes do mundo pela internet.
De acordo com o jornal Goteborgs-Posten (GP), a acusada havia reivindicado em um fórum na internet o seu direito de viver com um esqueleto.
"Desejo um homem como ele é, seja vivo ou morto. Permite que eu encontre a felicidade sexual paralelamente". A mulher disse que tinha um noivo quando fez essas afirmações.

Um exame psiquiátrico preliminar concluiu que a mulher é juridicamente responsável.

Cara de anjo, espirito de porco: Neto destroi casa da avó porque ela não quis lhe dar dinheiro pro crack

cara de anjo, espirito de porco
A população do município de Pedra Lavrada ficou chocada com a notícia de um jovem que tentou atear fogo e assassinar a própria avó. A Polícia Militar do 9º BPM revelou que o acusado realizou a tentativa de homicídio porque levou uma resposta negativa da avó. 
O município de Pedra Lavrada está localizado na região da Borborema. A cidade tem 7.475 habitantes e fica a 237 quilômetros de João Pessoa, capital da Paraíba.
Tiago dos Santos Sousa foi preso em flagrante após incendiar a residência da avó. Ele havia tentado matá-la com uma faca peixeira. Tentando acalmar os ânimos, familiares tentaram impedir o crime e acabaram sendo ameaçados pelo acusado. Os familiares resolveram acionar a polícia.
Com as chamas debeladas parte do muro da residência da avó do jovem acusado foi derrubada.
Parte do muro da casa desabouCréditos: CuitéPB Online
O Jovem havia pedido um dinheiro para avó que acabou negando. Este fato gerou raiva no acusado que tentou matar avó, conforme o relato da polícia local. Ele foi preso e conduzido para Cadeia Pública de Picuí.

PRF aponta irregularidades em veículos escolares de 20 Municípios e do Estado

O Ministério Público da Paraíba recebeu, na última segunda-feira (16), um relatório da Polícia Rodoviária Federal com informações rela...