quinta-feira, 12 de maio de 2011

VEREADORES E PREFEITO DE JOÃO PESSOA VISITAM ESCOLAS MUNICIPAIS DEPOIS DE DENÚCIA DO FANTÁSTICO

O prefeito Luciano Agra e a secretária de Educação do Município, Ariene Sá e vereadores da Capital vão visitar algumas escolas da rede municipal na manhã desta quinta-feira (12). A comitiva se reunirá a partir das 8h, em frente à Câmara Municipal, de onde sairá um micro-ônibus.
A iniciativa partiu da própria secretária de Educação, durante sessão especial na Câmara nesta última terça-feira (9), onde teve a oportunidade de esclarecer dúvidas a cerca de uma matéria sobre a qualidade da merenda escolar, veiculada no programa Fantástico, exibida no último domingo.
“Assim todos poderão esclarecer qualquer dúvida com os próprios olhos. Com isso, terão a oportunidade de conhecer de perto não somente a qualidade da merenda escolar, mas também todo investimento que a prefeitura vem realizando na recuperação da infraestrutura de nossas escolas”, disse Ariane Sá.

Contra-ataque: Deputado leva panfleto antigay a escolas

Jair Bolsonaro mandou imprimir 50 mil cópias de um panfleto contra o plano nacional que defende os direitos dos gays. O deputado federal eleito pelo PP do Rio está distribuindo o material em residências e escolas do Estado.

Um dos textos do impresso chega a associar a homossexualidade à pedofilia.

Bolsonaro não revelou quanto gastou, mas já disse que pretende repassar a conta para os cofres públicos: fala em incluir a despesa em sua verba de gabinete e pedir reembolso da Câmara.

JAIR

"EMBOSCADOS"

"Apresento alguns dos 180 itens deste que chamo Plano Nacional da Vergonha, onde meninos e meninas, alunos do 1º Grau, serão emboscados por grupos de homossexuais fundamentalistas, levando aos nossos inocentes estudantes a mensagem de que ser gay ou lésbica é motivo de orgulho para a família brasileira", diz o folheto na primeira de suas quatro páginas.

Segundo a leitura de Bolsonaro, que é capitão da reserva do Exército, o Plano Nacional de Promoção da Cidadania e Direitos Humanos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais do governo cria de "cotas para professor gay", "batalhões policiais gays nos Estados", "Bolsa Gay" e "MST Gay".

Mas o principal alvo é o que o deputado chama de "kit gay", material didático antidiscriminação preparado pelo Ministério da Educação que será distribuído a escolas públicas. No material há filmes em que adolescentes descobrem que são gays.

"Querem, na escola, transformar seu filho de 6 a 8 anos em homossexual. Com o falso discurso de combater a homofobia, o MEC, na verdade incentiva a homossexualidade nas escolas públicas do 1º grau e torna nossos filhos presas fáceis para pedófilos", diz o panfleto do deputado.

SECRETÁRIO DE SEGURANÇA DA PARAÍBA APRESENTA O BALANÇO DA OPERAÇÃO DE COMATE AO TRÁFICO

Mega operação contra o tráfico de drogas na Paraíba
Secretário Cláudio Lima
O secretário de Segurança, Cláudio Lima, concederá entrevista coletiva no final da manhã desta quinta-feira para apresentar o balanço da mega operação realizada em João Pessoa na madrugada em combate ao tráfico de drogas.

A secretaria de Segurança Pública ainda não divulgou o horário exato e o local escolhido para a coletiva.

A operação se concentrou especialmente no bairro de Mandacaru. A Polícia cumpriu vários mandados de busca e apreensão.

A ação reúniu cerca de mil homens das polícias da Paraíba. Aproximadamente 70 viaturas, cavalaria e canil também estão na ação.

A reportagem do MaisPB apurou que há pelo menos três meses o setor de inteligência da Secretaria de Segurança atua no planejamento desta ação.

Foram várias reuniões entre o secretário Cláudio Lima, o procurador geral de Justiça, Oswaldo Trigueiro e o presidente do Tribunal de Justiça, Abraham Lincoln da Cunha Ramos.

A Polícia teve o cuidado de emitir a recomendação de que somente homens com conduta ilibada fossem selecionados para a operação.

Desde o começo da semana, a movimentação foi intensa na Polícia Federal. Ontem, policiais foram vistos transportando um grande número de coletes e malotes, provavelmente para apreensão de documentos.

Nas últimas horas, as viaturas que foram escolhidas para a ação foram abastecidas. Tudo foi mantido em sigilo até a madrugada, quando o comando da Operação se reuniu com os policiais no Teatro Paulo Pontes, do Espaço Cultural, e repassou as instruções. De lá, os homens seguiram para o cumprimento das determinações.

PRF aponta irregularidades em veículos escolares de 20 Municípios e do Estado

O Ministério Público da Paraíba recebeu, na última segunda-feira (16), um relatório da Polícia Rodoviária Federal com informações rela...