sexta-feira, 15 de abril de 2011

Pelé e Maradona podem se tornar "patrimônio esportivo histórico da humanidade"

Pelé, Ronaldo, Ronaldinho, Maradona e Messi são candidatos a uma honraria. Eles estão na briga para figurar na lista do “patrimônio esportivo histórico da humanidade”, uma iniciativa do Bureau Internacional de Capitais Culturais (IBOCC, na sigla em inglês).Por enquanto, o processo de candidaturas está aberto em três países: Brasil, Argentina e México. Até agora, os nomes de Pelé, Garrincha, Romário, Ronaldo e Ronaldinho aparecem como alguns dos favoritos ao posto de representantes dos brasileiros. Os argentinos, por sua vez, devem escolher ídolos como Alfredo Di Stéfano, Mario Kempes, Diego Armando Maradona, Lionel Messi e Daniel Pasarella.O prazo para a proposição das candidaturas terminará em 16 de maio. Em seguida, será aberto o processo de votação. Em 30 de junho, serão conhecidos os vencedores.

Confira o comentário de um seguidor:

"De Pelé, já sabemos a contribuição que ele deu para o futebol: Levou o esporte para os 4 cantos do mundo, já parou conflitos armados pelo mundo afora, com seu futebol, introduziu o "soccer" nos EUA, calou a boca dos preconceituosos que tiveram que reverenciar um atleta negro, vindo de um país subdesenvolvido, como o atleta do século. Agora Maradora, a primeira coisa que vem em mente quando falamos desse sujeito é seu envolvimento com as drogas e seu perfil fora de forma".

A equipe do "Pânico", da Rede TV!, está dividida. Uma parte defende a diminuição da apelação e quer mais investimento em quadros de humor. A informa


Os integrantes do "Pânico", da RedeTV!, que tem equipe dividida sobre a quantidade de apelação no programa.

O "Pânico" (Rede TV!) pode fechar o mês com uma das piores médias de sua história.

No último domingo, registrou apenas 6 pontos de ibope (cada ponto equivale a 60 mil domicílios na Grande SP), ficando em quarto lugar em audiência no horário.

Os maiores ibopes da atração vieram da exploração de personagens reais, como Gorete e Zina.

A transformação dela, no dia 23 de maio, foi o pico de audiência neste ano. O programa marcou 12 pontos e ficou 35 minutos na liderança.

Desde então, o "Pânico" procura por um outro "personagem" nas ruas que possa virar sucesso.

Confira a previsão do tempo hoje no Conde

Confira a previsão do tempo para esta sexta-feira no litoral da Paraíba
Aesa
Publicidade
Litoral
29º
24º
Nebulosidade variável com chuvas ocasionais no decorrer do dia.

NO CONDE A PREPARAÇÃO DA SEMANA SANTA









Na quarta-feira Santa, à noite, existe uma tradição muito antiga e comovente que se faz na maior parte das cidades do interior do Brasil. É a procissão do encontro entre Nossa Senhora das Dores e o Bom Senhor Jesus dos Passos.
As Mulheres fazem uma procissão carregando a imagem de Nossa Senhora das Dores, com cantos penitenciais, com as figuras bíblicas das “mulheres piedosas”: Verônica, que teria enxugado o rosto ensangüentado de Jesus numa toalha, na qual ficou estampada a sua face; Maria Madalena e outras mulheres que acompanharam a caminhada de Jesus para o Calvário.
Outra procissão é feita só pelos homens, que carregam a imagem do Senhor dos Passos, figura de Jesus Cristo coroado de espinhos, ensangüentado, escarrado e carregando uma cruz às costas. Em determinado local se dá o encontro. Um pregador faz a dramatização da cena, recordando o que aconteceu na Sexta-feira Santa. Faz um apelo à conversão, recorrendo à dramaticidade da dor de Nossa Senhora e das Dores e sofrimentos de Jesus. o sermão tem o costume de ser mais exortativo. Após o sermão, a Verônica entoa um hino e mostra a toalha ensangüentada com a face esculpida no pano.

- A cerimônia do Lava-pés

A cerimônia do Lava-pés vem educar a comunidade para o serviço. Essa cerimônia costuma ser bem dramatizada pela piedade popular. O celebrante representa Jesus de Nazaré que lava os pés de seus discípulos.
Em algumas comunidades, os apóstolos são caracterizados por 12 homens, ou meninos, vestidos conforme a época de Jesus e recebem um pão abençoado.
Após a celebração da eucaristia, dá-se a desnudação dos altares. O Santíssimo Sacramento é levado para um altar lateral ou capela, sendo acompanhado por uma pequena procissão no interior da Igreja, ao som das matracas, cuja origem está ligada às catacumbas dos antigos cristãos.
Após a procissão os altares são despidos de toalhas, flores e ornamentos; e se cobrem com panos roxos os crucifixos e imagens. O Santíssimo Sacramento é velado com orações e cantos, durante toda a noite e até a hora da celebração da morte do Senhor, na sexta feira Santa.

No Conde essa matéria foi feita dia 16/abril/2011
Na Paróquia de nossa senhora da Conceição não é diferente, ontem( 15 de Abril) por exemplo, por volta das 19hs saiu da capela são Francisco a procissão das mulheres carregando a imagem da santa Ns das Dores. Enquanto quê da Matriz saia os homens carregando a imagem Senhor dos passos carregando a cruz. o O encontro foi na praça Ilza Ribeiro com o apoio do carro de som doado pelo Sistema J.A. A missa foi celebrada na Matriz pelo padre Eliezer.

Sobe para nove o número de mortos infectados por superbactéria em AL


Um bebê de pouco mais de um mês de vida é o nono paciente infectado com uma superbactéria que morreu no Hospital Universitário de Maceió, desde janeiro. O óbito da criança, segundo a assessoria de imprensa da instituição, ocorreu na manhã desta sexta-feira (15).

O bebê, que nasceu com apenas seis meses de gestação e pouco mais de 1 kg, tinha problemas no rim e no fígado, segundo o hospital. Segundo a instituição, além deste bebê, cinco adultos e três recém-nascidos já morreram infectados pela superbactéria.

A UTI neonatal e a maternidade do Hospital Universitário de Maceió, fechadas após a confirmação da morte de três recém-nascidos na instituição, permanecem interditadas até esta sexta-feira. Os setores devem permanecer fechados por tempo indeterminado, até que todos os procedimentos necessários para a desinfecção sejam realizados.

O Que São as Superbactérias Quais os Riscos?

Uma grande ameaça a saúde pública está ameaçando a nossa população denominada de ‘’superbactéria’’ a mesma é super resistente aos antibióticos mais fortes. Esse é um assunto que vem causando polêmica entre os cientistas e médicos. Segundo estudos essa bactéria traz consigo um gene que se chama NDM-1, devido a esse gene, é que essa bactéria se torna tão resistente.Elas são resistentes até aos ‘’carbapenem’’ o qual faz parte de um grupo de antibióticos que são utilizados em último caso de emergência, ou seja, os casos que não são resolvidos com esse tipo de antibiótico, não terão outra solução. Os cientistas acham que esse gene, o qual também é encontrado na bactéria E.coli (responsável pelas infecções urinarias) possa ser rapidamente modificada e transformada em outra bactéria, se isso ocorrer, algumas infecções perigosíssimas poderiam ser transmitidas para outras pessoas, que teriam poucas possibilidades de tratamento.

PRF aponta irregularidades em veículos escolares de 20 Municípios e do Estado

O Ministério Público da Paraíba recebeu, na última segunda-feira (16), um relatório da Polícia Rodoviária Federal com informações rela...