segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

FINAL DE SEMANA COM ACIDENTES NO CONDE


As estradas da cidade de Conde ficam cada vez mais perigosas, todo o final de semana acontece um episodio dessa vez foram dois um na decida para o açude na BR018 e a outra em Jacumã:

-O de Jacumã foi apenas um susto

: O prefeito Municipal Aluísio Régis vinha em seu veículo tranquilamente, quando um outro veículo se chocou com o do prefeito nada grave, prejuízo só com bens matérias;

-O outro acidente foi incrível, acompanhe os fatos:

Estavam dois rapazes em sua motocicleta (motorista e carona), eles estavam tentando consertar a moto fora da pista em frente uma igreja evangélica Assembléia de Deus, quando dois homens vieram em sua motocicleta em alta velocidade em direção aos outros dois rapazes, resultado gente pra todo lado. A moto que bateu na outra ficou completamente despedaçada. Um dos dois homens desmaiou e o outro teve pancada forte na cabeça que chegou a sangrar, os outros dois que estava consertando a motocicleta também se machucaram. O interessante você vai ver agora: O SAMU foi acionado mas ao chegar no local, não tinha ninguém para ser socorrido, apenas pedaços das motos, Os acidentados todos tomaram seus rumos, estranho não. Segundo informações de populares, os dois de nomes não identificados (os provocadores do acidente), o que levou a pancada na cabeça levantou acordou o outro que tinha desmaiado e fugiram sem espera o socorro.

Prefeitos ‘choram’, mas volume de FPM na Paraíba é o 12º maior do Brasil



Apesar da choradeira dos prefeitos, o governo federal repassou para as 223 cidades da Paraíba mais de R$ 1,39 bilhão, através do Fundo de Participação dos Municípios, em 2010. O montante foi o 12º maior do país, superando a soma dos recursos transferidos para 14 estados da federação e o Distrito Federal. No Nordeste, ficou na quinta posição. Apesar da quantia significativa, o presidente da Famup, Rubens Germano, diz que não há muito o que comemorar pois os valores são praticamente iguais aos de 2008, quando o FPM total repassado para os municípios paraibanos chegou a R$ 1,36 bilhão.

As transferências no ano passado para a Paraíba superaram vários estados de outras regiões, a exemplo do Rio de Janeiro (R$ 1,3 bilhão), Espírito Santo (R$ 741 milhões) e Amazonas (R$ 635 milhões), além do Acre, Amapá, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Rondônia, Roraima e Tocantins, bem como o Distrito Federal.

No Nordeste, as prefeituras paraibanas perceberam mais recursos do FPM, em 2010, que as de Alagoas (R$ 1,02 bilhão), Rio Grande do Norte (R$ 1,08 bilhão), Piauí (R$ 1,13 bilhão) e Sergipe (R$ 625 milhões). As informações são do Siafi (Sistema Integrado de Administração Financeira) do Tesouro Nacional.

Em relação às capitais, João Pessoa recebeu do governo federal mais de R$ 178 milhões de FPM, no ano passado. Foi o nono maior repasse, incluindo Brasília no raking. No entanto, na região Nodeste, a capital paraibana superou apenas Natal (RN) e Aracaju (SE), recenbendo menos recursos que Maceió (AL), Salvador (BA), Recife (PE), São Luís (MA), Fortaleza (CE) e Teresina (PI).

Carro derruba poste na av. Epitácio Pessoa e deixa trânsito lento em João Pessoa

  Um carro derrubou um poste na avenida Epitácio Pessoa com o cruzamento da rua Prefeito José Leite, nas imediações do bairro Bri...