quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

centenas de moradores do Conde foram as ruas protestar as constantes faltas d’água








Um dia que antecedeu a manifestação da população do povo da cidade de Conde na Paraíba (19.01), a CIA de água e esgoto da Paraíba, ou seja, CAGEPA, que presta um péssimo serviço ao povo do município resolveram tapear o povo cavando uma das principais ruas (Manoel Alves), e colocaram um cano na tentativa de minimizar a falta de água num dos bairros mais nobres(Jardim Recreio), más mesmo assim a população não se conformou e nem se conforma com as constantes falta de água na cidade. Onde dias antes foi feita uma reunião na casa da professora Elena e foi decidido a manifestação que com o nosso apoio (sistema J.A de Comunicação), colocamos o convite no ar o Wagner Assunção reporte que junto com Aluísio dos jegues abraçaram essa causa e foram as ruas juntos ao povo.

Que seguiram em passeata da Praça Ilza Ribeiro até a praça Pedro Alves, o povo clamava por água, foi encaminhado vários ofícios aos parlamentares que moram na cidade para a infelicidade da população só apareceram dois vereadores ( Valdelito Dias e Fernando Araújo), emissoras de tv também foram convidadas e não vieram.

O protesto durou em torno de duas horas e meia, foi pacifica o mesmo não teve envolvimento partidário. Com promessas de outros protestos se a direção da CAGEPA não tomar as medidas previstas (A perfuração de um novo poço ou a construção de uma nova caixa d'água ou quem sabe a tão esperada transposição).

Homem acusado de praticar vários assaltos é preso no Conde


Na tarde desta quarta-feira(19.01), um homem de nome Manoel Bernardo Filho de 28 anos, acusado de vários arrombamentos, assaltos a correios e telégrafos, foi preso em flagrante delito em praia Bela litoral Sul do estado da Paraíba, com ele a policia encontrou um revolver calibre 38, um colete a prova de balas, que segundo informação da PM, ele teria tomado por assalto o colete e a arma de um vigilante em uma agencia na Baia da Traição.

A policia conduziu o acusado para a delegacia de Conde, onde algumas vitimas foram reconhece-lo, afirmando que possivelmente ele também seja acusado de assalto a motos, mesmo tendo o ato do flagrante o Manoel nega tudo.

O reporte Wagner esteve na delegacia de Conde e pegou as informações com o capitão Benevides do destacamento de Alhandra.