terça-feira, 2 de novembro de 2010

Rômulo quer governar CG com a cassação de Vené, mas não disputará eleições em 2012

Apesar das declarações, o deputado revelou que não tem a pretensão de disputar a prefeitura nas eleições municipais de 2012.

O vice-governador eleito, o deputado federal Rômulo Gouveia (PSDB), revelou nesta segunda-feira (01) que ainda acreditar que irá governar a cidade de Campina Grande nesta atual gestão. Rômulo foi candidato a prefeito da cidade em 2008, mas foi derrotado por Veneziano Vital (PMDB), que disputava a reeleição. No entanto, devido a ações judiciais Veneziano foi cassado pela justiça Eleitoral de Campina, mas recorreu ao TRE.

“Veneziano foi cassado em Campina Grande, mas recorreu ao TRE e governa sob efeito de liminar, no entanto, ainda espero assumir o comando da administração estadual em breve”, declarou.

Apesar das declarações, o deputado revelou que não tem a pretensão de disputar a prefeitura nas eleições municipais de 2012.

“Acho que posso dá minha contribuição como vice governador e também temos outras lideranças expressivas na cidade, como o deputado Romero Rodrigues, que pode ser o candidato do nosso grupo”, afirmou.

Secretário de Finanças diz que Governo do Estado não tem recursos para pagar 13º salário


A Secretaria de Finanças do Estado tem apenas 50% em caixa para o pagamento do 13º salário do servidor público estadual e o comércio varejista paraibano já teme queda de vendas para o período natalino. Até a semana passada, as projeções de vendas recordes em dezembro deste ano eram contabilizadas como certa pelo setor que até então projetava “o melhor Natal dos últimos anos”.

A folha de pessoal da administração pública direta e indireta do Estado é de aproximadamente R$ 163 milhões, mas, faltando pouco mais de 45 dias para o calendário previsto do abono, as finanças têm reservado apenas R$ 80 milhões.

“Em princípio, o 13º salário do servidor está programado para acontecer entre 15 a 20 de dezembro, mas costumo matar um ‘leão’ de cada vez. Primeiro, quero me preocupar somente com a folha de pessoal de novembro para depois pensar no abono”, declarou o secretário de Finanças, Marcos Ubiratan, argumentando que a ausência da reserva dos 10% a cada mês durante este ano para o pagamento do 13º salário foi provocado pela queda do Fundo de Participação dos Estados (FPE). Esse recurso é transferido da União para os Estados com base na arrecadação de tributos federais.

“A expectativa era de uma receita de R$ 2,2 bilhões do FPE, mas somente recebemos R$ 1,8 bilhão. Isso comprometeu o aprovisionamento mensal do 1/12 avos nos dez meses deste ano. Vamos torcer para que o FPE nos últimos dois meses do ano aumente e as receitas próprias como o ICMS, que vem crescendo e cumprindo o seu papel, também se eleve em novembro e dezembro. Se a arrecadação do ICMS, principal tributo do Estado, não estivesse crescendo, fechar as contas do mês seria muito mais difícil, diante da queda do FPE”, revelou.

Dilma Rousseff reúne assessores e deve falar com Barack Obama

A presidente eleita Dilma Rousseff (PT) recebe na manhã desta segunda-feira (1º), em Brasília, o presidente nacional do PT, José Eduardo Dutra, o deputado federal Antonio Palocci (PT-SP), o ex-prefeito de Belo Horizonte Fernando Pimentel e o assessor da Presidência para Assuntos Internacionais, Marco Aurélio Garcia. Segundo Dutra, eles vão discutir a agenda da candidata dos próximos dias.

Segundo a assessoria, Dilma também vai retribuir telefonemas de líderes estrangeiros. Nesta segunda-feira, está prevista uma conversa telefônica com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama.

Na próxima semana, Dilma deve viajar para Moçambique, na África, e para Seul, na Coréia do Sul, onde participa com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva de reunião do G-20. Mas antes a presidente eleita deve participar de uma reunião para dar início a transição de governo. Segundo assessores de Dilma , ainda não há uma data definida, mas é provável que a reunião ocorra na sexta-feira (5).

De acordo com a assessoria, Dilma viajará para para Porto Alegre (RS) nos próximos dias. Ela vai descansar e ficar com a família. Não há previsão de pronunciamento de Dilma nesta segunda-feira, segundo assessores.

PRF aponta irregularidades em veículos escolares de 20 Municípios e do Estado

O Ministério Público da Paraíba recebeu, na última segunda-feira (16), um relatório da Polícia Rodoviária Federal com informações rela...